Retinopatia proliferativa em paciente com Anemia Falciforme: relato de caso

Autores

  • Daniela de Oliveira Werneck Rodrigues Fundação Centro de Hematologia e Hemoterapia de Minas Gerais, Hemocentro Regional de Juiz de Fora/Fundação Hemominas-MG. http://orcid.org/0000-0003-3062-2954
  • Luiz Oscar Machado Martins Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) / FAME - Departamento de Oftalmologia –Juiz de Fora, MG.
  • Felipe Affonsêca Pedreira Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) / FAME –Juiz de Fora, MG.
  • Carlos Marcelino Oliveira Universidade Federal de Juiz de Fora – Disciplina de Fisiologia. Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC)/FAME- Departamento de Hematologia, Juiz de Fora,MG.
  • Mônica de Albuquerque Costa Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) / FAME –Juiz de Fora, MG.
  • Luiz Claúdio Ribeiro Universidade Federal de Juiz de Fora – Departamento de Estatística.

Palavras-chave:

Saude humana

Resumo

A Anemia Falciforme é uma anemia hemolítica que resulta da mudança estrutural na molécula de hemoglobina, devido à mutação no gene de globina no cromossomo 11. Esta mutação causa uma substituição de ácido glutâmico por valina na posição 6, com a formação da hemoglobina S. A hemoglobina S exposta à desoxigenação desencadeia fenômenos de vaso-oclusão na microcirculação com isquemia e injúria aos tecidos. As alterações oftalmológicas mais importantes relacionadas à Anemia Falciforme ocorrem principalmente pela obstrução dos vasos da retina. A retinopatia falciforme apresenta várias manifestações fundoscópicas, podendo, inclusive, levar à amaurose. Os autores relatam caso de paciente com retinopatia proliferativa falciforme severa e baixa acuidade visual que evoluiu com resposta favorável após intervenção terapêutica. Os autores discutem as opções terapêuticas disponíveis e a necessidade da avaliação oftalmológica periódica aos pacientes com Anemia Falciforme, visando o diagnóstico e monitoramento de progressão ou regressão das lesões da retina.

Palavras-chaves: Anemia Falciforme. Manifestações Oculares. Retina. Fotocoagulação. Hidroxiuréia.


Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniela de Oliveira Werneck Rodrigues, Fundação Centro de Hematologia e Hemoterapia de Minas Gerais, Hemocentro Regional de Juiz de Fora/Fundação Hemominas-MG.

Fundação Hemominas - Serviço de Hematologia Juiz de Fora, MG.

Universidade Federal de Juiz de Fora – NATES, MG.

Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC)/FAME- Departamento de    Hematologia, Juiz de Fora,MG.

Pesquisadora do Cnpq e National Institute of Health(NIH). 

Luiz Oscar Machado Martins, Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) / FAME - Departamento de Oftalmologia –Juiz de Fora, MG.

Centro de Diagnóstico em Oftalmologia Juiz de Fora, MG.

CEEO- Centro Especializado em  Exames e Terapia Ocular, Juiz de Fora- MG.

Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) / FAME - Departamento de Oftalmologia –Juiz de Fora, MG.

Felipe Affonsêca Pedreira, Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) / FAME –Juiz de Fora, MG.

Acadêmico de Medicina da FAME/UNIPAC-JF, Bolsista de Iniciação Científica da FAPEMIG/Hemominas e REDSIII (NIH).

Carlos Marcelino Oliveira, Universidade Federal de Juiz de Fora – Disciplina de Fisiologia. Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC)/FAME- Departamento de Hematologia, Juiz de Fora,MG.

Universidade Federal de Juiz de Fora – Disciplina de Fisiologia .

Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC)/FAME- Departamento de   Hematologia, Juiz de Fora,MG.

Mônica de Albuquerque Costa, Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) / FAME –Juiz de Fora, MG.

Acadêmica de Medicina da FAME/UNIPAC-JF, Bolsista de Iniciação Científica da FAPEMIG/Hemominas e REDSIII (NIH).

Luiz Claúdio Ribeiro, Universidade Federal de Juiz de Fora – Departamento de Estatística.

Universidade Federal de Juiz de Fora – Departamento de Estatística

Programa de Pós Graduação em Saúde – UFJF, Juiz de Fora –MG.

Pesquisador do Cnpq.

Referências

- Ministério da Saúde. Manual de Saúde Ocular em Doença Falciforme. Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Especializada. Brasília; 2009.

- Vilela RQB, Bandeira DM, Silva MAE. Alterações oculares nas doenças falciformes. Rev Bras Hematol Hemoter 2007;29(3):285-287.

- Bisol T, Fior O, Esteves JF, Friderich JR. Influencia do genótipo da hemoglobinopatia falciforme nas manifestações retinianas em pacientes de um hospital universitário. Arq Bras Oftal 2000;63(4):273-6.

- Ministério da Saúde. Doença falciforme: condutas básicas para tratamento. Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Especializada. Brasília; 2012.

- Rees DC, Williams TN, Gladwin MT. Sickle-cell disease. Seminar. Lancet 2010; 376: 2018–31.

- Cançado RD, Jesus JA. A doença falciforme no Brasil. Rev Bras Hematol Hemoter 2007; 29(3):203–206.

- Lim JI. Ophthalmic manifestations of sickle cell disease: update of the latest findings. Curr Opin Ophthalmol 2012; 23:533–536.

- Hoang QV, Chau FY, Shahidi M, Lim JI. Central Macular Splaying and Outer Retinal Thinning in Asymptomatic Sickle Cell Patients by Spectral Domain Optical Coherence Tomography. Am J Ophthalmol 2011; 151(6): 990–994.

- Freitas LGA, Isaac DLC, Tannure WT, Lima EVS, Abudi MB, Tavares RS, Freitas CA, Ávila MP. Alterações retinianas apresentadas em pacientes portadores de hemoglobinopatia falciforme atendidos em um Serviço Universitário de Oftalmologia. Arq Bras Oftalmol 2011;74(5):335-7.

- Downes SM, Hambleton IR, Chuang EL, Lois N, Serjeant GR, Bird AC. Incidence and natural history of proliferative sickle cell retinopathy: observations from a cohort study. Ophthalmology 2005;112(11):1869-75.

- Lutty GA, Goldberg MF Embury et al, Ophthalmologic complications in:. Sickle cell disease: basic principles and clinical practice. Ed Raven Press; 1994; p 703-24.

- Elagouz M, Jyothi S, Gupta B, Sivaprasad S. Sickle cell disease and the eye: old and new concepts. Surv Ophthalmol 2010;55(4):359-77.

- Bonanomi MTBC, Lavezzo MM. Sickle cell retinopathy: diagnosis and treatment. Arq Bras Oftalmol 2013;76(5):320-7.

– Brasil. Ministério da Saúde. Portaria nº 872, de 06 de novembro de 2002. Estabelece o uso de Hidroxiúreia. Disponível em Acesso em: 10 dez. 2013.

- Cançado RD, Lobo C, Ângulo IL, Araújo PIC, Jesus JA. Protocolo clínico e diretrizes terapêuticas para uso de hidroxiureia na doença falciforme. Rev Bras Hematol Hemoter 2009;31(5):361-66.

- Farber MD, Jampol LM, Fox P, Moriarty BJ, Acheson RW, Rabb MF, et al. A randomized clinical trial of scatter photocoagulation of proliferative sickle cell retinopathy. Arch Ophthalmol 1991;109:363-7.

- Cook WC. A case of sickle cell anemia with associated subarachnoid hemorrhage.J Med 1930;11:541.

- Henry MD, Chapman AZ. Vitreous hemorrhage and retinopathy associated with sickle cell disease. Am J Ophthalmol 1954;38:204-9.

- Fadugbagbe AO, Gurgel RQ, Mendonça CQ, Cipolotti R, Santos AM, Cuevas LE. Ocular manifestations of sickle cell disease. Annals of Tropical Paediatrics 2010; 30: 19–26.

- Goldberg MF. Natural history of untreated proliferative sickle retinopathy. Arch Ophthalmol 1971;85:428-37.

- Goldberg MF. Classification and pathogenesis of proliferative sickle retinopathy. Am J Ophthalmol 1971;71:649-65.

- Sobrinho EFA, Saraiva JCP, Silva JN, Silva APS, Lima RC. Manifestações retinianas em pacientes portadores de anemia de células falciformes. Rev Bras Oftalmol 2011; 70 (5): 284-9.

- Cury D, Sorte NB, Lyra IM, Zanette AD, Limat HC, Castro BG et al. Lesões oculares em pacientes com doença falciforme da Bahia, Brasil. Rev Bras Oftalmol 2010; 69 (4): 259-63.

– Condon PI, Serjeant GR. Behaviour of untreated proliferative sickle retinopathy.Br J Ophthalmol 1980;64:404-11.

- Gagliano D, Goldberg MF. Evolution of the salmon patch in sickle cell retinopathy. Arch Ophthalmol 1989;107:1814-5.

- Gallo H. Anemia falciforme e complicações oculares. Disponível em Acessado em 15 jan. 2013.

- Siqueira RC. Stem cell therapy in retinal diseases. Rev Bras Hematol Hemoter 2012;34(3):222-6.

- Emerson GG, Lutty GA. Effects of sickle cell disease on the eye: clinical features and treatment. Hematol Oncol Clin North Am 2005;19(5):957-73.

– National Institute of Health. Management and therapy of sickle cell disease. 3 ed. 1995.

- Yawn BP, Buchanan GR, Afenyi-Annan AN, Ballas SK, Hassell KL et al.Management of sickle cell disease: summary of the 2014 evidence-based report by expert panel members. JAMA 2014;312:1033–1048.

Downloads

Publicado

2016-04-19

Como Citar

1.
Rodrigues D de OW, Martins LOM, Pedreira FA, Oliveira CM, Costa M de A, Ribeiro LC. Retinopatia proliferativa em paciente com Anemia Falciforme: relato de caso. hu rev [Internet]. 19º de abril de 2016 [citado 12º de agosto de 2022];41(3 e 4). Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/hurevista/article/view/2404

Edição

Seção

Relato de Caso

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>