Gênero, culturae o dispositivo da transexualidade

a formação da identidade travesti no Brasil

Autores

  • Francine Natasha Alves de Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.34019/1983-8379.2017.v10.28254

Resumo

Com base nas discussões propostas pelos Estudos Culturais e pelas teorizações de Michel Foucault (2016) sobre o poder, este artigo busca realizar uma abordagem histórica do travestismo e da elaboração da identidade travesti no Brasil. Explorando um saber “menor” e subjugado, pretendemos resgatar os registros de uma comunidade marginalizada desde seu surgimento atéos dias atuais e como os significados foram sendo estabelecidos no imaginário cultural de forma a permitir a emergência da identidade em questão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

ALVES DE OLIVEIRA, F. N. . Gênero, culturae o dispositivo da transexualidade: a formação da identidade travesti no Brasil. DARANDINA REVISTELETRÔNICA, Juiz de Fora, v. 10, n. 1, p. 1–20, 2019. DOI: 10.34019/1983-8379.2017.v10.28254. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/darandina/article/view/28254. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos - Dossiê temático