Tornando Porto Alegre destino: rastros das iniciativas de ativação turística a partir da literatura para visitantes

  • Maurício Ragagnin Pimentel Universidade Federal do Rio Grande (FURG)
  • Antonio Carlos Castrogiovanni Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
Palavras-chave: História do Turismo, Turismo Urbano, Guias de Viagem, Porto Alegre (RS).

Resumo

Parte-se da noção de que o turismo é uma invenção do século XVIII que tem se transformado e ampliado sua presença no mundo, articulando novos locais em um sistema global de destinos. Assim, este texto busca examinar como Porto Alegre, capital do Rio Grande Sul, passa a fazer parte de tal sistema. Como a cidade se torna objeto do 'olhar do turista' (URRY, 2001)? Quais foram as iniciativas dos porto-alegrenses para habilitar seu território a esse tipo de intencionalidade? Para isso utilizou-se como principal fonte de investigação um corpus de 135 documentos da literatura produzida para visitantes, tais como guias de viagem, folhetos, catálogos, matérias de suplementos de turismo em jornais e revistas especializadas e blogs de viagem. Propõe-se uma periodização e caracterização de cinco momentos, ou arranjos, do turismo neste destino ao longo do tempo. Considera-se ainda que o conteúdo designado pelo referente 'Porto Alegre' alterou-se de acordo com a evolução urbana da cidade, assim como o modo em que a função turismo ali se articula e interage com outros impulsos urbanizadores, em um processo com desdobramentos futuros.

Biografia do Autor

Maurício Ragagnin Pimentel, Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Doutor em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Professor Adjunto na Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Antonio Carlos Castrogiovanni, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Doutor em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)

Professor no PPG em Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Referências

ALONSO, J. F.; BANDEIRA, P. S. A "desindustrialização" de Porto Alegre: causas e perspectivas. Ensaios FEE, Porto Alegre, v. 9, n. 1, p. 3-28, 1988. Disponível em: http://revistas.fee.tche.br/index.php/ensaios/article/view/1167/1525 Acesso em 12 abr. 2017.
ANTONESCU, A.; STOCK, M. Une méthodologie pour reconstruire la mondialisation du tourisme. Mondes du Tourisme, v. 9, p. 2-18, 2014. Disponível em: https://tourisme.revues.org/124 Acesso em 12 abr. 2017.
BERQUE, A. Paisagem-Marca, Paisagem-Matriz: Elementos da Problemática para uma Geografia Cultural. In: CORRÊA, R. L.; ROZENDAHL, Z. Paisagem, Tempo e Cultura. Rio de Janeiro: EDUERJ, 1998.
BOYER, M. História do Turismo de Massa. Bauru: EDUSC, 2003.
CLARIMONT, S.; VLÈS, V. Espaces publics touristiques urbains et développement durable : principes d’aménagement, usages et tensions. Une analyse à partir du cas de Barcelone (Espagne). Urbia: les cahiers du développement urbain durable, Lausanne, v. 10, p. 11-28, jun 2010. Disponível em: https://www.unil.ch/files/live/sites/ouvdd/files/shared/URBIA/urbia_10/Clarimont_Vles.pdf Acesso em 15 maio 2017.
COSTA, J. L. Crimes e medo marcam rotina no Morro Santa Tereza, na capital. Zero Hora, Porto Alegre, 19 set. 2015. Disponível em: http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2015/09/crimes-e-medo-marcam-rotina-no-morro-santa-tereza-na-capital-4851307.html Acesso em 15 jun. 2017.
CURRIER, C. W. Lands of the Southern Cross. Washington D.C.: Spanish American Publication Society, 1911.
CUVELIER, P. Anciennes et nouvelles formes de tourisme: une approche socio-économique. Paris: Harmattan, 2010.
DE MATTOS, C. Modernización capitalista y transformación metropolitana em América Latina: cinco tendências constitutivas. In: GERAIGES; ARROYO; SILVEIRA América Latina: cidade campo e turismo. Buenos Aires/ São Paulo: Clacso, 2006.
DE SOUZA, C. F.; MÜLLER, D. M. Porto Alegre e sua evolução urbana. Porto Alegre: Ed. da UFRGS, 2007.
DUHAMEL, P. Patrimoine et modernité: double logique de la production et du renouvellemnet des villes touristiques. In: DUHAMEL, P.; KNAFOU, R. Mondes Urbain du Tourisme. Paris: Belin, 2007.
DUHAMEL, P. Le Tourisme: lecture géographique. Paris: La Documentation Française, 2013.
EMBRATUR. ROSENBLATT, M. (Coord.). Roteiro turístico-cultural de Porto Alegre e cidades vizinhas. Rio Grande do Sul: na terra dos gaúchos. Rio de Janeiro: AGGS, 1978.
ÉQUIPE MIT. Tourismes 2: moments de lieux. Paris: Belin, 2005.
ÉQUIPE MIT. Tourisme 3: révolution durable. Paris: Belin, 2011.
FEE. Tabela 1 – Produto Interno Bruto (PIB) total e per capita, estrutura do Valor Adicionado Bruto (VAB) e população dos municípios do Rio Grande do Sul – 2014, 2014. Disponivel em: . Acesso em: 10 maio 2017.
FLICK, U. Introdução à pesquisa qualitativa. Porto Alegre: Artmed, 2009.
GASTAL, S.; MOESCH, M. M. Turismo e políticas públicas. São Paulo: Aleph, 2007.
GERHMANN, L. Porto Alegre apresenta sua cultura a Buenos Aires. Folha de São Paulo. Ilustrada, São Paulo, 3 mar. 1998. Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq03039816.htm Acesso em 04 out. 2017.
GOIDANICH, O. A saga do turismo no Rio Grande do Sul. In: FLORES, H. (. ). Turismo no RS: 50 anos de pioneirismo no Brasil. Porto Alegre: EdiPUCRS, 1992.
HARVEY, D. A produção capitalista do espaço. São Paulo: Annablume, 2005.
HIRST. A Guide to South America. Nova Iorque: The Macmillan Company, 1915.
IBGE. Regiões de Influência das Cidades 2007. Rio de Janeiro: IBGE, 2008. Disponível em: http://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv40677.pdf acesso em 29 maio 2017.
KNAFOU, R. L'urbain et le tourisme : une construction labourieuse. In: DUHAMEL, P.; KNAFOU, R. Mondes Urbain du Tourisme. Paris: Belin, 2007.
LEOTTA, N. Approcci visuali di turismo urbano. Milão: Hoepli, 2005.
LÖFGREN, O. Storie delle vacanze. Milão: Bruno Mondadori, 2006.
LONELY PLANET. LOUIS, R. (COORD.). Porto Alegre. In:___. South America on a sho-estring, big trips on small budgets. 11a. ed. Singapura: Lonely Plane, 2010. p. 302-304.
LUSSAULT, M. Le tourisme, un genre commun. In: DUHAMEL, P.; KNAFOU, R. Les mondes urbaines du tourisme. Paris: Belin, 2007.
MICHELIN. Une vitrine des progrès sociaux. In: ____. Brésil. Le Guide Vert. Paris: Michelin, 2013. p. 308-313.
PESAVENTO, S. Memória Porto Alegre: espaços e vivências. Porto Alegre: Ed. UFRGS, 1999.
PIMENTEL, F. Aspectos Gerais de Porto Alegre. Porto Alegre: [s.n.], 1945.
PORTO ALEGRE. Lei Complementar 477 de 12 de maio de 2000. Porto Alegre: SIREL, 2000. Disponível em : http://www2.portoalegre.rs.gov.br/cgi-bin/nph-brs?s1=000023011.DOCN.&l=20&u=%2Fnetahtml%2Fsirel%2Fsimples.html&p=1&r=1&f=G&d=atos&SECT1=TEXT. Acesso em 08 ago. 2017.
PORTO ALEGRE, Prefeitura Municipal. Empresa Porto-Alegrense de Turismo S/A. BARBOSA, Luiz Carlos (texto). Porto Alegre pra Turista ver. Capital Nacional do Turismo ABAV 90. Porto Alegre: EPATUR, 1990?.
PORTO ALEGRE, Prefeitura Municipal. Escritório Municipal de Turismo. Porto Alegre: guia turístico 2003. Porto Alegre: ESTUR, 2003.
PORTO ALEGRE, Prefeitura Municipal. Porto Alegre Turismo. Secretaria Municpal de Indústria e Comércio. Escritório Municipal de Turismo.GASTAL, Susana (texto). Turismo Ecológico. Ecological Tourism. Ilha da Pintada Porto Alegre, RS, Brasil. Porto Alegre: ESTur / Mercociudades, 2000?.
PORTO ALEGRE, Prefeitura Municipal. Porto Alegre Turismo. Secretaria Municpal de Indústria e Comércio. Escritório Municipal de Turismo. GASTAL, Susana (texto). Porto Alegre, aromas, sons, texturas, cores e sabores. Porto Alegre, aromas, sonidos. Porto Alegre: ESTur, inverno 2000.
PORTO ALEGRE, Prefeitura Municipal. Empresa Porto-Alegrense de Turismo. BARBOSA LESSA, Luiz Carlos (textos). Porto Alegre Terra Gente. 2a. ed. Porto Alegre: EPATUR, 1977.
PORTO ALEGRE, Prefeitura Municipal. Empresa Porto-Alegrense de Turismo S/A. Mapa Panorâmico de Porto Alegre. Assumindo a condição de capital do Mercosul. Porto Alegre: EPATUR, 1993-1996?.
PORTO ALEGRE, Prefeitura Municipal. Secretaria Municipal de Tuismo. BALDINO, Angêla (ed.); ZARPELON, Eliana (texto). Turismo/ Tourism Porto Alegre. Porto Alegre: SMTur / Aracruz, 2007.
REVEL, J. Discours. In: REVEL, J. Dictionnaire Foucault. Paris: Ellipses, 2008.
RIO GRANDE DO SUL. Catálogo da Exposição do Centenário Farroupilha. Porto Alegre: STAR, 1935.
SELBY, M. Undestanding urban tourism: image, culture and experience. Nova Iorque: I. B. Tauris, 2004.
SINGER, P. Porto Alegre. In: SINGER, P. Desenvolvimento econômico e evolução urbana. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1968.
SMITH, H. The Naturalist Brazilian Expedition. Paper I - From Rio de Janeiro to Porto Alegre. The American Naturalist, v. 17, abril 1883. ISSN 4. Disponível em: http://www.jstor.org/stable/2449823 Acesso em 26 jan. 2018.
SMITH, V. Hosts and Guests: the anthropolgy of tourism. Pennsylvania: UPP, 1989.
SPIROU, C. Urban tourism and urban change: cities in a global economy. New York: Routledge, 2011.
TOURING CLUB SEÇÃO PORTO ALEGRE. Guia turístico de Porto Alegre. Porto Alegre: Globo, 1955.
URBAIN, J. D. L'idiot du voyage: histoires du touriste. Paris: Payot, 2002.
URRY, J. O Olhar do Turista. São Paulo: SENAC, 2001.
VIOLIER, P. Tourisme et développement local. Paris: Belin, 2008.
Publicado
2018-07-09