Questões de Gênero e Diáspora em Persépolis, de Marjane Satrapi

Autores

  • Maiara Alvim de Almeida

DOI:

https://doi.org/10.34019/1983-8379.2017.v10.28259

Resumo

No presente trabalho, trataremos de questões referentes a gênero e diáspora na obra Persépolis, dairaniana Marjane Satrapi. Discutiremos a representação da situação da mulher na obra, nos valendo deconsiderações teóricas de Joan Scott (s/d) e Elaine Showalter (1994). Para lidar com a questão da experiência deum sujeito em diáspora, utilizando-nos de considerações de Stuart Hall (2004). Pretendemos demonstrar comotais questões se entrelaçam na subjetividade de um sujeito hibridizado e de identidades múltiplas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-09-23

Como Citar

ALVIM DE ALMEIDA, M. . Questões de Gênero e Diáspora em Persépolis, de Marjane Satrapi. DARANDINA REVISTELETRÔNICA, Juiz de Fora, v. 10, n. 1, p. 1–14, 2019. DOI: 10.34019/1983-8379.2017.v10.28259. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/darandina/article/view/28259. Acesso em: 18 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos - Dossiê temático