ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO: REVISANDO AS PRÁTICAS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22195/2447-524620202532905

Resumo

As políticas para educação especial na perspectiva da inclusão em educação avançaram muito com a política de 2008. O presente artigo buscou investigar as produções científicas sobre as práticas pedagógicas inclusivas desenvolvidas por professores do Atendimento Educacional Especializado (AEE), publicadas entre os anos de 2010 a 2018, no banco de dados de periódicos CAPES. Foram encontrados 47 artigos relacionados à temática. Desses artigos apenas seis discutem, de forma mais específica, as práticas pedagógicas. Identificamos que embora a educação inclusiva e as políticas vêm sendo discutidas, há algumas décadas, ainda existem muitos desafios a serem enfrentados e vencidos, particularmente, na constituição de práticas pedagógicas mais inclusivas.

Biografia do Autor

Marco Antonio Melo Franco, Universidade Federal de Ouro Preto

Professor do Departamento de Educação e do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal de Ouro Preto. Líder do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Práticas na Alfabetização e na Inclusão em Educação - NEPPAI. Membro do Comitê Gestor do Observatório Internacional de Inclusão, Interculturalidade e Inovação Pedagógica – OIIIIPe

Priscilla de Almeida Fontana Magalhães, Universidade Federal de Ouro Preto

Graduanda em Pedagogia pela Universidade Federal de Ouro Preto. Bolsista de Iniciação científica. Membro do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Práticas na Alfabetização e na Inclusão em Educação - NEPPAI. Membro do Grupo de Estudos Formação e Profissão Docente - FOPROFI.

Gláucia Cristina Moreira de Oliveira, Universidade Federal de Ouro Preto

Graduanda em Pedagogia pela Universidade Federal de Ouro Preto. Membro do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Práticas na Alfabetização e na Inclusão em Educação-NEPPAI

Downloads

Publicado

2020-12-21

Edição

Seção

Artigos