Quaero e a expressão da volição

Autores

Palavras-chave:

morfossintaxe, Cícero, verbos

Resumo

Nosso objetivo é pesquisar se haveria usos de quaero que justificassem a expressão da volição através de seu sucessor morfofonológico “querer”. Para isso, analisaremos morfossintaticamente as ocorrências de quaero na obra de Cícero, Ad Atticum, a partir da teoria funcionalista, a fim de comparar essa pesquisa à análise sobre uolo. Pretendemos, assim, nas próximas etapas, traçar possíveis contextos frasais que teriam propiciado a competição entre esses verbos na expressão da volição e o apagamento de uolo, na passagem do latim para o português e para o espanhol.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALMEIDA, Napoleão Mendes de. Gramática Latina .30. ed. São Paulo: Saraiva, 2011.

A GUITA JAÉ , José María. “La desaparición de uolo-uelle querer’ y su sustitución por quaero-quaerere buscar’ en gallego, portugués y castellano”. VERBA 2010, v. 37, p. 331-344.

A GUITA JAÉ , José María. “Acercamiento etimológico al cast. (gall.-port.) buscar: lat. poscere.”. Cuadernos de Filología Clásica. Estudios Latinos. 2007, 27, núm. 2. Pp. 197-216.

CÍCERO, M. T. Ad Atticum. Disponível em: http://www.thelatinlibrary.com.

CICERÓN. MÁRQUEZ, Pantoja; RODRÍGUEZ, Miguel. Cartas. I: Cartas a Ático (cartas 1-161). II: Cartas a Ático (Cartas 162-426). Introducción, traducción y notas. Editorial Gredos, S. A. Sánches Pacheco, 81, Madrid, 1996.

DELÉANI, Simone; VERMANDER, Jean Marie. Initiation a la langue latine et a son systeme. Manuel pour grands débutants I.

DIAS, Nilza Barrozo. Gramaticalização de Orações Matrizes. In: SEMINÁRIO DO GEL, 58., 2010, Programação. São Carlos (SP): GEL, 2010. Disponível em: <http://www.gel.org.br/>. Acesso em: 14.02.2014.

ERNOUT, A.; MEILLET, Antoine. Dictionnaire étymologique de la langue latine: histoire de mots. Paris: Klincksieck, 1951.

FARIA, Ernesto. Gramática Superior da Língua Latina. Rio de Janeiro: Livraria Acadêmica, 1958.

FURTADO DA CUNHA, M. A. O modelo das motivações competidoras no domínio funcional da negação. In: Revista Delta. São Paulo, v.17, n.1, 2001. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php> Acesso em 10 de agosto de 2010.

GABELENTZ, G. von der. Die Sprachwissenschaft. Ihre Aufgaben, Methoden, und bisherigen Ergebnisse. Leipzig: Weigel, 1891.

HELENA. SECO, Elena Pingarrón. Etimología de QUERER. Disponível em: <http://etimologias.dechile.net/?querer>.

HENDERSON, J. Pliny’s Letters: A Portrait of the Artist as a Figure of Style, Omnibus 4: 31–2, 1982.

HOPPER, P. J. & E. C. TRAUGOTT. Grammaticalization. Cambridge: Cambridge University Press, 1993.

MOURA, M.Z. Orações Matrizes [VERBO SER + PREDICATIVO]: predicados que expressam atitude do falante. Dissertação de mestrado. Juiz de Fora: Universidade Federal de Juiz de Fora, 2009. 148f.

NASCENTES, Antenor. Dicionário Etimológico Resumido. Instituto Nacional do Livro. Ministério da Educação e Cultura. 1966.

NEVES, Gonçalo. A história do verbo querer. Disponível em: https://ciberduvidas.iscte iul.pt/consultorio/perguntas/a-historia-do-verbo-querer/33157. Acesso em: 10 jan. 2016.

RUBIO FERNÁNDEZ, Lisardo et al. Nueva Gramática Latina. Madrid: Editorial Coloquio, 1985.

SARAIVA, F. R. dos Santos. Novíssimo dicionário latino-português. 12a ed. Rio de Janeiro: Livraria Garnier, 2006.

VASCONCELLOS, P. S. Sintaxe do período subordinado latino. São Paulo: Fap-Unifesp, 2013.

Downloads

Publicado

2017-03-17

Como Citar

DE CARVALHO, L. L.; SOUSA, F. C. Quaero e a expressão da volição. Rónai – Revista de Estudos Clássicos e Tradutórios, [S. l.], v. 4, n. 2, p. 119–129, 2017. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/ronai/article/view/23189. Acesso em: 14 jun. 2024.

Edição

Seção

Dossiê: XXIV Semana de Estudos Clássicos da UFJF

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)