O trabalho docente na versão preliminar do Projeto Pedagógico Institucional para os cursos de licenciaturas da UFJF

Resumo

Este estudo visa investigar a compreensão do trabalho docente e o estatuto do professor formado pela Universidade Federal de Juiz de Fora, em seus diversos cursos de formação para a docência, por meio da análise da versão preliminar do Projeto Pedagógico Institucional para os cursos de licenciatura - PPI (UFJF, 2018). Adota-se como aportes teóricos o Interacionismo Sociodiscursivo (BRONCKART, 2006), em sua corrente de análise de textos prescritivos do trabalho docente (MACHADO, 2009). Considera-se que as significações (BRONCKART, 2015) em torno da profissão e do trabalho docente são construídas também pelos textos que tratam dessa atividade, por isso precisam ser estudados e compreendidos. A pesquisa revela a significação do trabalho docente como atividade profissional, intencional e metódica, para a qual é exigida formação específica e contextualizada. 

Biografia do Autor

Andreia Rezende Garcia-Reis, Universidade Federal de Juiz de Fora

Graduada em Letras (UFJF), mestre em Linguística (UFJF) e doutora em Linguística (UFRJ). Foi professora de Língua Portuguesa da Rede Municipal de Ensino de Juiz de Fora, onde atuou na Educação de Jovens e Adultos e no Ensino Regular. Lecionou no curso de Pedagogia e em outros cursos de graduação e pós-graduação na Faculdade Metodista Granbery. Atualmente, é professora adjunta do Departamento de Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora. Atua nos cursos de graduação em Letras e em Pedagogia e no Programa de Pós-graduação em Educação da Faculdade de Educação da UFJF. É líder do Grupo de Pesquisa Interação, Sociedade e Educação, vinculado ao Núcleo FALE da UFJF (Formação de Professores, Alfabetização, Linguagem e Ensino), desenvolve pesquisas no campo teórico-metodológico do Interacionismo Sociodiscursivo, sobre gêneros textuais, ensino de língua portuguesa, trabalho docente e formação de professores. andreiargarcia@yahoo.com.br

Andressa Barcellos Correia da Silva, Universidade Federal de Juiz de Fora

Licenciada em Letras e Mestranda em Educação pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).

Publicado
2019-06-05
Seção
Artigos