DESENVOLVIMENTO DESIGUAL, “QUESTÃO REGIONAL” E TENDÊNCIAS CONTEMPORÂNEAS

  • Evelyne Medeiros Pereira Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
Palavras-chave: Desenvolvimento desigual. Questão Regional. Nordeste brasileiro

Resumo

O contexto contemporâneo é constituído na permanente dialética entre mudanças e continuidades, particularmente no âmbito das desigualdades regionais, fazendo ainda com que regiões como o Nordeste brasileiro tenha uma elevada taxa de analfabetismo e um reduzido índice de desenvolvimento humano, apesar da melhoria nas condições de vida e trabalho dos setores mais subalternizados durante a última década. O presente artigo é fruto do esforço de uma breve caracterização e problematização da “questão regional” no Brasil a partir da região Nordeste no contexto dos anos 2000. Para tanto, a contextualização dessa questão no padrão de desenvolvimento capitalista, atentando para algumas de suas tendências, como a lei do desenvolvimento desigual e combinado, foi um passo fundamental, demandando o diálogo com a realidade empírica através da pesquisa bibliográfica e documental, além do levantamento de dados primários e secundários referente ao período priorizado. Ressaltamos a necessidade da conexão entre a análise da realidade regional e o movimento mundial articulador de territórios que perpetua o “amalgama de formas arcaicas com as mais modernas”, em especial nas formações sociais dependentes como a brasileira.
Publicado
2019-04-30
Seção
Artigos