A Pál Utcai Fiúk: um olhar discursivo sobre as modalidades tradutórias nas traduções da obra em inglês e português

A Pál Utcai Fiúk: a discursive look at the translation modalities in the translations of the work into English and Portuguese

  • Evandro Oliveira Monteiro Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Palavras-chave: A Pál Utcai Fiúk, Os Meninos da Rua Paulo, The Paul Street Boys, tradução, análise do discurso

Resumo

Como um recorte do Trabalho de Conclusão de Curso, defendido pelo autor no ano de 2016, este artigo apresenta uma análise de traduções da obra húngara A Pál Utcai Fiúk de Ferenc Molnár para as línguas inglesa norte-americana – The Paul Street Boys, por Louis Rittenberg – e portuguesa brasileira – Os Meninos da Rua Paulo, por Paulo Rónai, com edição revista e anotada por Nelson Ascher. Tomando por base teórica a Análise do Discurso fundada por Michel Pêcheux, são analisados aspectos como domesticação, heterogeneidade de vozes e imaginários de leitores.


Palavras-chave: A Pál Utcai Fiúk; Os Meninos da Rua Paulo; The Paul Street Boys; tradução; análise do discurso.


Abstract 

 

Extracted part from the author’s monograph which was presented in 2016, this article focuses on translations of the Hungarian book A Pál Utcai Fiúk by Ferenc Molnár into North-American English – The Paul Street Boys, by the translator Louis Rittenberg – and into Brazilian Portuguese – Os Meninos da Rua Paulo, by the translator Paulo Rónai with review and comments from Nelson Ascher. Having the French field of Discourse Analysis as theoretical support, translation aspects as domestication, speech heterogeneity and imaginary of readers are analyzed.

 

Keywords: A Pál Utcai Fiúk; Os Meninos da Rua Paulo; The Paul Street Boys; translation; discourse analysis.

 

 

 

Biografia do Autor

Evandro Oliveira Monteiro, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Bacharel em Letras Português-Inglês e mestrando em Estudos da Linguagem, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Além do mestrado, é bolsista do programa Stipendium Hungaricum, pelo qual estuda língua e cultura húngaras na Universidade de Szeged, na Hungria.

Tem interesse pelos temas: letras, análise do discurso, línguas urálicas, língua e cultura húngaras e tradução.

Referências

ASCHER, Nelson. “Posfácio”. In: MOLNÁR, Ferenc. Os meninos da Rua Paulo. Tradução de Paulo Rónai e revisão de Nelson Ascher. São Paulo: Cosac Naify, 2005.

AUBERT, Francis H. Modalidades de Tradução: teoria e resultados. TradTerm, 5(1), p. 99-128, 1998.

HENGE, Gláucia da S. Feitos e efeitos discursivos no processo tradutório do literário: uma discussão sobre o fazer tradutório da obra Pride and Prejudice de Jane Austen. 2015. Tese – Programa de Pós-Graduação em Letras, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2015.

INDURSKY, Freda. Unicidade, desdobramento, fragmentação: a trajetória da noção de sujeito em Análise do Discurso. In: MITTMANN, Solange; GRIGOLETTO, Evandra; CAZARIN, Ercília. (Orgs.). Práticas discursivas e identitárias: sujeito e língua. Porto Alegre: Nova Prova, p. 9-33, 2008.

______. A escrita à luz da análise do discurso. In: CORTINA, Arnaldo; NASSER, Sílvia M. G. C. (Org.). Sujeito e Linguagem. São Paulo: Cultura Acadêmica, p. 117-131, 2009.

LUKACS, John. Budapeste 1900: um retrato histórico de uma cidade e sua cultura. Tradução Ana Luiza Dantas. Rio de Janeiro: José Olympio, 2009.

MITTMANN, Solange. Notas do Tradutor e Processo Tradutório: análise e reflexão sob uma perspectiva discursiva. Porto Alegre: Ed. da UFRGS, 2003.

______. Heterogeneidade constitutiva, contradição histórica e sintaxe. Desenredo (PPGL/UPF), v. 6, p. 85-101, 2010.

MOLNÁR, Ferenc. Os meninos da rua Paulo. Tradução de Paulo Rónai. São Paulo: Saraiva, 1952.

______. Os meninos da rua Paulo. Tradução de Paulo Rónai e revisão de Nelson Ascher. São Paulo: Cosac Naify, 13. ed., 2005.

______. The Paul Street Boys. Tradução de Louis Rittenberg. Budapeste: Corvina, 8. ed., 2015.

______. A Pál utcai fiúk. Budapeste: Móra, 2016[1907].

ORLANDI, Eni P Apresentação. In: ORLANDI, Eni P. Discurso e Leitura. São Paulo: Cortez, p.7-12, 1993.

______. Discurso e texto: formulação e circulação dos sentidos. Campinas: Pontes, 2001.

______. Análise de Discurso: princípios e procedimentos. 8. ed. Campinas, São Paulo: Pontes, 2009.

______. Análise de Discurso. In: ORLANDI, Eni P.; LAGAZZI-RODRIGUES, Suzy. Discurso e Textualidade. Campinas, SP: Pontes, 2 ed., p. 11-31, 2010.

PÊCHEUX, Michel. Semântica e discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Tradução de Les vérités de la Palice, 1975, por Eni P. Orlandi et al. Campinas: Unicamp, 2ª ed., 1995.

______. Papel da memória. In: ACHARD, Pierre. et al. Papel da memória. Tradução de José Horta Nunes. São Paulo: Campinas, Pontes, p. 49-57, 1999.

RÓNAI, Paulo. “Prefácio”. In: MOLNÁR, Ferenc. Os meninos da Rua Paulo. Tradução de Paulo Rónai e revisão de Nelson Ascher. São Paulo: Cosac Naify, 2005.

VENUTI, Lawrence. O escândalo da tradução. Tradução de Stella E. O. Tagnin. In: Tradterm, n. 3, p. 99-122, 1996.
Publicado
2018-12-17
Seção
Artigos