On the guilt of Agamemnon, by Lloyd-Jones: a problematic of Ate and Zeus intervention

Autores

  • Fernanda Borges da Costa Mestranda em Estudos Clássicos da Universidade de Coimbra

Palavras-chave:

Agamémnon, Ésquilo, Culpa, Ate

Resumo

O presente artigo aborda a Ate e Zeus na tragédia de Ésquilo de acordo com o tratamento de Hugh Lloyd-Jones em seu artigo “The Guilt of Agamemnon”. A tese principal de Lloyd-Jones propõe que a culpa de Agamémnon deriva em última instância do reconhecimento de Zeus sobre da maldição dos Átridas. Ele chega a esta conclusão por reduzir drasticamente o livre arbítrio de Agamémnon, considerando que suas escolhas não foram feitas com a consciência clara, mas sim tomado por Ate, a qual fora enviada por Zeus para atordoar o herói. Lloyd-Jones propõe a intervenção de Zeus como fundamentada na maldição familiar. Apesar de seu artigo, em vários aspectos, possuir uma boa abordagem da tragédia, rejeito a tese de Lloyd-Jones embasando-me no texto de Ésquilo e na ausência de fundamento textual suficiente para peso à sua interpretação. Pretendo justificar minha posição demonstrando que as inclusões de Ate feitas por Lloyd-Jones não podem resultar em uma boa interpretação acerca das escolhas de Agamémnon nas passagens do Sacrifício de Ifigênia e da caminhada sobre a tapeçaria púrpura. Ao ler as tragédias de Ésquilo devem-se levar em consideração os antecedentes épicos como conhecimento de fundo com o qual ele dialoga constantemente – com os quais nem sempre de acordo. Ao final, sugiro que Zeus ainda é de fato o principal maestro dos eventos da peça, mas a culpa de Agamémnon permanece também como uma parte de seu próprio caráter; e sugiro que ele faz sua parte na construção de seu destino trágico de modo consciente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AESCHYLUSέ “Aeschylu Iμ τresteiaμ Agamemnon, The δibation Bearers, The Eumenides (The Complete ύreek Tragedies)”, volέ 1έ Translated by Richard δattimoreέ Editor David Greene and Richard Lattimore, 1969.

AESCHYLUSέ “Agamemnon”έ Translated by ώerbert Weir Smythέ Cambridge, Mass., Harvard University Press; London. William Heinemann, Ltd. 1926

LESKY, Albinέ “Decision and Responsibility in the Tragedy of Aeschylus” (pέ 13-βγ), in “τxford Readings in ύreek Tragedy” edited by Erich Segalέ

DENNISTON, J. D. and PAGE, D.. Aeschylus, Agamemnon”έ Clarendon Press, Oxford University. Press; Oxford, 1957.

LLOYD-JONES, ώughέ “The ύuilt of Agamemnon” (pέ ηι-ιβ), in “τxford Readings in ύreek Tragedy” edited by Erich Segalέ

SIMPSON, εichaelέ “Why does Agamemnon yieldς” (p. 94-101), in La Parola del Passato 137 (1971).

Downloads

Publicado

2015-08-14

Como Citar

BORGES DA COSTA, F. On the guilt of Agamemnon, by Lloyd-Jones: a problematic of Ate and Zeus intervention. Rónai – Revista de Estudos Clássicos e Tradutórios, [S. l.], v. 2, n. 2, p. 1–24, 2015. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/ronai/article/view/23028. Acesso em: 23 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)