Configurando espaços, produzindo sensações: arquiteturas, materialidades e formas devocionais em dois templos cristãos

Autores

  • Emerson Giumbelli UFRGS
  • Taylor Pedroso de Aguiar UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.34019/2236-6296.2020.v23.30939

Resumo

Este texto apresenta uma discussão sobre como arquiteturas e materialidades participam da produção de formas devocionais em dois templos cristãos. Reunindo os resultados de duas pesquisas etnográficas, partimos de uma abordagem material da religião para entender como disposições religiosas são construídas nesses lugares de culto. Ao tratar do Santuário Santa Paulina, em Nova Trento (SC), e da Igreja Batista Brasa, em Porto Alegre (RS), enfatizamos as configurações espaciais e os regimes sensoriais que são possibilitados a partir de mediações materiais nos dois templos, mobilizando sentidos específicos de devoção. À medida que evidenciamos este processo, procuramos lançar uma contribuição para os estudos sobre templos, arquiteturas e materialidades religiosas no Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Taylor Pedroso de Aguiar, UFRGS

Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social

Downloads

Publicado

2021-01-15

Como Citar

GIUMBELLI, E.; AGUIAR, T. P. de. Configurando espaços, produzindo sensações: arquiteturas, materialidades e formas devocionais em dois templos cristãos. Numen, [S. l.], v. 23, n. 2, 2021. DOI: 10.34019/2236-6296.2020.v23.30939. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/numen/article/view/30939. Acesso em: 15 jun. 2024.