A criação contemporânea e a poesia digital

  • Jorge Luiz Antonio
Palavras-chave: teoria literária, crítica literária, semiótica

Resumo

Este artigo tem por objetivo refletir sobre a criação contemporânea e a poesia digital com base nos conceitos das diferentes cartografias do conhecimento; os territórios de atuação de cada especialista; as contaminações entre arte e ciência, arte e tecnologia, poesia e tecnologia; o uso de dados estocásticos; a incorporação da caoticidade e o desenho de arquiteturas gerativas e permutacionais, a fim de mostrar as mais diferentes criações contemporâneas da arte e da poesia digitais, ou, de forma sintética, aquilo que Irene Machado conceituou como linguagens interagentes.

Biografia do Autor

Jorge Luiz Antonio

Professor, pesquisador, poeta, formado em Letras (Português/Inglês), Mestre em Comunicação e Semiótica, autor de Almeida Júnior A través dos Tempos (1983) e Cores, Forma, Luz, Movimento: A Poesia de Cesário Verde (2002), desenvolve pesquisa sobre poesia digital para o seu doutorado. Tem uma página sob o título de Brazilian Digital Art and Poetry on the Web:

http://www.vispo.com/misc/BrazilianDigitalPoetry.htm

Publicado
2003-12-11
Seção
Artigos