Avaliação laboratorial da anemia em pacientes pediátricos hospitalizados em um hospital universitário

Autores

DOI:

https://doi.org/10.34019/1982-8047.2024.v50.43666

Palavras-chave:

Anemia, Hospitalização, Saúde da Criança, Testes Laboratoriais

Resumo

Introdução: A anemia é um distúrbio hematológico frequente em crianças, e sua presença pode impactar nos desfechos clínicos de pacientes hospitalizados por diversos motivos. Objetivos: Avaliar a ocorrência de anemia em crianças hospitalizadas em um hospital universitário, analisando o contexto sociodemográfico, prováveis etiologias, investigação laboratorial e desfechos clínicos. Material e Métodos: Estudo observacional, retrospectivo que avaliou prontuários eletrônicos de todas as internações da enfermaria de pediatria de um hospital universitário no ano de 2019. Foram coletados dados sociodemográficos e clínicos de todos os pacientes e dados laboratoriais daqueles que realizaram pelo menos um hemograma durante a internação. Resultados: Dos 504 pacientes avaliados, 58,9% realizaram pelo menos um hemograma completo durante a internação. Dos pacientes com hemograma disponível, 28,7% apresentavam anemia de acordo com os valores de referência. A maioria (87,9%) apresentava anemia leve. As etiologias mais frequentes foram anemia da inflamação e por deficiência de ferro. A presença de anemia não se correlacionou de forma estatisticamente significativa com o número de comorbidades e com a necessidade de reinternação para os pacientes da amostra. Conclusão: A anemia é frequente em pacientes pediátricos hospitalizados, ainda que a maioria não apresente comorbidades. A hospitalização pode ser uma oportunidade para diagnóstico, investigação etiológica, início de tratamento e profilaxia da anemia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

World Health Organization. Haemoglobin concentrations for the diagnosis of anaemia and assessment of severity [Internet]. World Health Organization: 2011 [citado em 2024 fev. 26]. Disponível em: https://apps.who.int/iris/handle/10665/85839.

Gallagher PG. Anemia in the pediatric patient. Blood. 2022; 140(6):571-93.

Vieira RCS, Ferreira HS. Prevalência de anemia em crianças brasileiras, segundo diferentes cenários epidemiológicos. Revista de Nutrição. 2010; 23:433-44.

Almeida CAN, Ued FV, Del Ciampo LA, Martinez EZ, Ferraz IS, Contini AA et al. Prevalence of childhood anaemia in Brazil: still a serious health problem: a systematic review and meta-analysis. Public Health Nutr. 2021; 24(18):6450-65.

Chaparro CM, Suchdev PS. Anemia epidemiology, pathophysiology, and etiology in low‐and middle‐income countries. Ann N Y Acad Sci. 2019; 1450(1):15-31.

Olivares M, Walter T. Causas y consecuencias de la deficiencia de hierro. Rev Nutr. 2004; 17(1):5-14.

Bashir F, Nageen A, Kidwai SS. Anema in hospitalized patient: prevalence, etiology and risk factors. J Liaquat Uni Med Health Sci. 2017; 16(2):80-5.

Oliveira MF, Malozze PC, Oliveira MF, Rossi NF, Silva JR, Navarro NC et al. Estudo clínico e epidemiológico das anemias em pacientes hospitalizados. Rev Med. 2019; 98(1):23-9.

Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (BR). Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora. Carta de serviços ao usuário do HU-UFJF [Internet]. Juiz de Fora: Ebserh; 2023 [citado em 2024 jun. 10]. Disponível em: https://www.gov.br/ebserh/pt-br/hospitais-universitarios/regiao-sudeste/hu-ufjf/acesso-a-informacao/participacao-social/ouvidoria/publicacoes/CartadeServiosaosUsuriosHUUFJF2023.pdf.

Tarancon-Diez L, Genebat M, Roman-Enry M, Vázquez-Alejo E, Espinar-Buitrago MS, Leal M et al. Threshold ferritin concentrations reflecting early iron deficiency based on hepcidin and soluble transferrin receptor serum levels in patients with absolute iron deficiency. Nutrients. 2022; 14(22):4739-48.

Sociedade Brasileira de Análises Clínicas (BR). Programa Nacional de Controle de Qualidade da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas. Valores de referência hematológicos para adultos e crianças [Internet]. Rio de Janeiro: PNCQ; [2017] [citado em 2024 fev. 26]. Disponível em: https://pncq.org.br/wp-content/uploads/2021/04/VRH2020.pdf.

Salami A, Bahmad HF, Ghssein G, Salloum L, Fakih H. Prevalence of anemia among Lebanese hospitalized children: risk and protective factors. PLoS One. 2018; 13(8):e0201806.

Monteiro CA, Szarfarc SC, Mondini L. Tendência secular da anemia na infância na cidade de São Paulo (1984-1996). Rev de Saúde Pública. 2000; 34(6):62-72.

Arcanjo FP, Pinto VP, Coelho MR, Amâncio OM, Magalhães SM. Anemia reduction in preschool children with the addition of low doses of iron to school meals. J Trop Pediatr. 2008; 54(4):243-7.

Loggetto SR, Silva DB, Braga JAP. Diagnóstico diferencial das anemias. In: Sociedade Brasileira de Pediatria (BR). Tratado de pediatria. Barueri: Manole; 2017.

Xavier AC, Siqueira SA, Costa LJ, Mauad T, Nascimento Saldiva PH. Missed diagnosis in hematological patients: an autopsy study. Virchows Archiv. 2005; 446(3):225-31.

Leonard D, Buttner P, Thompson F, Makrides M, McDermott R. Anaemia in early childhood among Aboriginal and Torres Strait Islander children of Far North Queensland: a retrospective cohort study. Aust N Z J Public Health. 2019; 43(4):319-27.

Fortes-Filho MA, Costa MAR, Tôrres CS, Rodrigues ETS, Silva RNC, Said LM et al. Panorama de internação por anemia ferropriva entre crianças nordestinas. Hematol Transfus Cell Ther. 2023; 45:S943-S944.

Chisti MJ, Kawser CA, Rahman ASMMH, Shahid ASMSB, Afroze F, Shahunja KM et al. Prevalence and outcome of anemia among children hospitalized for pneumonia and their risk of mortality in a developing country. Sci Rep. 2022; 12(1):10741.

Chami N, Hau DK, Masoza TS, Smart LR, Kayange NM, Hokororo A et al. Very severe anemia and one year mortality outcome after hospitalization in Tanzanian children: a prospective cohort study. PLoS One. 2019; 14(6):e0214563.

Gingoyon A, Borkhoff CM, Koroshegyi C, Mamak E, Birken CS, Maguire JL et al. Chronic iron deficiency and cognitive function in early childhood. Pediatrics. 2022; 150(6):e2021055926.

Downloads

Publicado

2024-06-17

Como Citar

1.
Nogueira YL, Pedrosa JS, Giacomini MCD, Ferreira AA, Grunewald STF. Avaliação laboratorial da anemia em pacientes pediátricos hospitalizados em um hospital universitário. HU Rev [Internet]. 17º de junho de 2024 [citado 15º de julho de 2024];50:1-7. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/hurevista/article/view/43666

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)