DIVERSIDADE CULTURAL E CURRÍCULO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA

Resumo

Esta pesquisa teve como objetivo analisar os entendimentos
e utilizações da temática diversidade cultural em
estudos curriculares da Educação Física Escolar (EFE).
Metodologicamente utilizamos a revisão sistemática de
abordagem qualitativa. Tivemos como fonte periódicos da
educação (A1 e A2) e da educação física (A2 à B2) inclusos
no sistema WebQualis da CAPES, com marco cronológico
inicial de 1990 até 2014. Os dados foram tratados a partir
da análise de conteúdo categorial por temática. As análises
dos artigos apontam que a temática diversidade cultural
aparece com mais expressividade em artigos com inspirações
pós-críticas de currículo na área de EFE. Entretanto em um
artigo de inspiração tradicional apareceu o termo de forma
ingênua e aparente. Já nos estudos críticos a diversidade
cultural não foi objeto específico de reflexão do artigo.
Percebemos ainda a existência de um entrelaçamento
teórico, demonstrando certo dinamismo e provisoriedade,
nos argumentos dos estudos curriculares e especificamente
entre as teorias críticas e pós-críticas percebemos uma
ambivalência recíproca de críticas.

Biografia do Autor

Marcílio Barbosa Mendonça de Souza Júnior, ESEF-UPE
Pós-Doutorado pela FEUSP e Livre-Docência pela UPE. É Doutor e Mestre em Educação pela UFPE. Professor Associado IIID da ESEF-UPE.
Publicado
2017-04-13
Seção
Artigos