Disposições Sociais e Usos do Tempo para Lazer

  • Luiz Flávio Neubert Universidade Federal de Juiz de Fora Instituto de Ciências Humanas Departamento de Ciências Sociais- PPGCSO

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar a relação entre o grau de escolaridade e as atividades de lazer utilizando dados da Pesquisa de Usos do tempo de Belo Horizonte (2001). Da amostra original foram selecionados apenas os indivíduos adultos que exerciam alguma atividade remunerada na época da coleta dos dados. As conclusões apontam que quanto maior o grau de escolaridade, mais tempo do dia é dedicado às atividades intelectuais, atividades físicas e, apenas nos dias de fim de semana, à realização de atividades artísticas.
Publicado
2015-03-26