O poder das festas: as festividades barrocas e o poder nas Minas no século XVIII

  • Fernanda Fioravante

Resumo

O presente artigo tem por objetivo maior apresentar as discussões em torno da realização das festas – fossem
elas de caráter religioso, fossem elas de caráter cívico –, sob a perspectiva de sua importância política no Antigo Regime. Nesse sentido, apontamos o rumo que tais discussões vêm tomando no que diz respeito ao uso das festas para reafirmar tanto o poder régio como o local, conferindo especial atenção às festividades ocorridas nas Minas setecentistas.
Publicado
2009-08-03
Seção
Artigos