A religião e o fundamentalismo religioso na contemporaneidade: uma análise da psicologia junguiana

  • Luiz Henrique Lemos Silveira PUC-Minas
  • Fabiano Victor de Oliveira Campos
  • Paulo Ferreira Bonfatti
Palavras-chave: fundamentalismo religioso, individuação, psicologia junguiana

Resumo

Neste texto, propomos refletir sobre o fundamentalismo religioso na contemporaneidade, a partir da psicologia junguiana. Entendendo a religião como experiência psicológica/arquetípica e simbólica, analisaremos se o fundamentalismo religioso pode contribuir para o desenvolvimento do indivíduo conduzindo-o para o processo de individuação ou para a estagnação do mesmo. Deste modo, este trabalho se dividirá em três momentos: primeiro, realizaremos a exposição da análise que Jung faz sobre a religião; posteriormente, identificaremos novas formas das religiões na contemporaneidade; e, por fim, faremos uma análise do fundamentalismo religioso a partir da psicologia junguiana.

Biografia do Autor

Luiz Henrique Lemos Silveira, PUC-Minas
Pós-doutorando em Ciências da religião PUC-MInas, MDoutorado em Psicologia e Mestrado em Ciências da Religião PUC-Minas.
Publicado
2019-04-23
Seção
Seção Temática: Religião e Psicologia