(Web)celebridade: O sujeito ordinário e a narrativa cotidiana sob holofotes

Autores

  • Amanda Meschiatti Vasconcellos Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)
  • Daniela Zanetti Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

DOI:

https://doi.org/10.34019/1981-4070.2017.v11.21395

Palavras-chave:

celebridade, sujeito ordinário, cotidiano, capitalismo afetivo, cibercultura

Resumo

Este artigo tem por objetivo localizar a celebridade como um elemento simbólico ativo na vida cotidiana e compreender sua ascensão enquanto espírito de nosso tempo. Para isso, é necessário adentrar ao fenômeno das webcelebridades, isto é, as celebridades que se originam da internet, rompendo com o estatuto histórico da fama e transformando o cotidiano de seus personagens (o homem ordinário) em assuntos passíveis de serem espetacularizados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Amanda Meschiatti Vasconcellos, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Mestranda de Comunicação e Territorialidades pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), graduada em Comunicação Social - Jornalismo (UFES). Bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (FAPES). Participa do grupo de pesquisas em Cultura Audiovisual e Tecnologia (CAT).

Daniela Zanetti, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Professora do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e coordenadora do grupo de pesquisas em Cultura Audiovisual e Tecnologia (CAT). Doutora em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA)

Referências

BARTHES, Roland. Mitologias. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001.
BENETTI, Marcia; HAGEN, Sean. Jornalismo e vida cotidiana: o comer e o cozinhar contemporâneos nas revistas semanais. In: Revista da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação | E-compós, Brasília, v.11, n.2, maio/ago. 2008. Disponível em: <http://www.compos.org.br/seer/index.php/ecompos/article/viewFile/228/273>. Acesso em: 25 abr. 2017.
BERGER, P. L.; LUCKMANN, Thomas. A construção social da realidade. Petrópolis: Vozes, 1991.
BIONDI, Angie. Imagens do Cotidiano ou o Real Construído? O jogo do real e do ficcional na narrativa fotográfica de Jeff Wall. In: LOGOS - Comunicação e Audiovisual. Ano 17, Nº01, 1º semestre 2010. Disponível em: <http://www.logos.uerj.br/PDFS/32/02_logos32_biondi_imagensdocotidiano.pdf>. Acesso em: 25 abr. 2017.
BRAGA, Adriana. Microcelebridades: entre meios digitais e massivos. In Contracampo, Niterói/ RJ, nº 21, p. 39-53, ago., 2010. Disponível em: < http://www.contracampo.uff.br/index.php/revista/article/view/55> . Acesso em: 25 abr. 2017.
BRETAS, Beatriz. Interações cotidianas. In.: GUIMARÃES, César; FRANÇA, Vera (Orgs.). Na mídia, na rua: narrativas do cotidiano. Belo Horizonte: Autêntica, 2006.
CRARY, Jonathan. 24/7 - Capitalismo tardio e os fins do sono. São Paulo: Cosac Naify, 2014.
FRANÇA, V. Celebridades: identificação, idealização ou consumo?. In: FRANÇA, V. et al (Orgs). Celebridades no século XXI: transformações no estatuto da fama. Porto Alegre: Sulina, 2014.
FREIRE FILHO, João; LANA, Lígia. Pacto de Visibilidade: Mídia, Celebridades e Humilhação. In: Revista Contracampo, v. 30, n. 2, ed. Agosto/novembro ano 2014. Niterói: Contracampo, 2014. p 4-23. Disponível em: < http://www.contracampo.uff.br/index.php/revista/article/view/682> . Acesso em: 25 abr. 2017.
GABLER, Neal. Vida, o filme: como o entretenimento conquistou a realidade. São Paulo: Companhia das Letras, 1999.
GIDDENS, Anthony. Modernidade e Identidade. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2002.
GOFFMAN, Erving. A Representação do Eu na Vida Cotidiana. 18 ed. Petrópolis: Editora Vozes, 2011.
ILLOUZ, Eva. O amor nos tempos do capitalismo. Ed. Zahar, 2011.
JORGE, Ana. O que têm os famosos? - a cultura das celebridades e os jovens portugueses. Portugal: TextoEditores, 2014.
MARSHALL, P. David. Celebrity and Power: Celebrity Status as a Representation of Power in Contemporary Culture. Montreal: Biblioteca Nacional do Canadá, 1992.
MORIN, Edgar. As estrelas: mito e sedução no cinema. Rio de Janeiro: José Olympio, 1989.
_____________. Cultura de Massas no Século XX: Neurose. 9.ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2007. (O espírito do tempo; v. 1).
PRIMO, Alex. A busca por fama na web: reputação e narcisismo na grande mídia, em blogs e no Twitter. In: XXXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2009, Curitiba. Anais.
ROJEK, Chris. Celebridade. Rio de Janeiro: Rocco, 2008.
SIBILIA, Paula. O show do eu: a intimidade como espetáculo. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2008.
TÜRCKE, Christoph. Sociedade excitada: filosofia da sensação; tradutores: Antonio A. S. Zuin et al. Campinas: Editora da Unicamp, 2010.
TURNER, Graeme. Understanding celebrity. London/ Thousand Oaks/ New Delhi: SAGE Publications, 2004.

Downloads

Publicado

2017-04-30

Como Citar

MESCHIATTI VASCONCELLOS, A.; ZANETTI, D. (Web)celebridade: O sujeito ordinário e a narrativa cotidiana sob holofotes. Lumina, [S. l.], v. 11, n. 1, 2017. DOI: 10.34019/1981-4070.2017.v11.21395. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/lumina/article/view/21395. Acesso em: 3 mar. 2024.

Edição

Seção

Dossiê: Entretenimento Digital: Meios e Processos do Lúdico na Cultura Contemporânea