Violência sexual contra meninas: do silêncio ao enfrentamento / Sexual violence against girls: from silence to confrontation

  • Monique Soares Vieira Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Resumo

Este artigo reflete sobre como as desigualdades de gênero, geracionais, étnico-raciais e socioeconômicas contribuem para a reprodução e ocultamento da violência sexual. Fruto de revisão bibliográfica, as discussões ora tecidas buscam apreender a desigualdade de gênero e geracional como determinações presentes na violência sexual contra meninas. Entende-se que a naturalização de tais desigualdades é fulcral para o silenciamento das vitimizações sexuais e sua perpetuação no interior das relações interpessoais. O enfrentamento a essa violência exige o rompimento com posturas erigidas sob a opressão, dominação e exploração, constituindo um imenso desafio as políticas públicas, requerendo ações calcadas numa perspectiva ética emancipadora.

Publicado
2018-12-28