Violência nas Relações de Gênero e Classe: Uma Interpretação a Partir das Mulheres Camponesas do Rio Grande do Sul

  • Carmen Lorenzoni
Palavras-chave: gênero e classe, violência, mulheres camponesas

Resumo

O fio condutor deste trabalho é o tema da violência contra a mulher camponesa, tendo, comopano de fundo, os elementos geradores da violência no contexto das relações de gênero eclasse no campo, dados de uma pesquisa qualitativa dentro do limite geográfico do Rio grandedo sul. O enfoque se dá a partir da perspectiva teórico metodológica da pesquisa históricodialética, qualitativa e feminista enquanto categorias que ajudam na identificação e análisetanto das relações macro estruturais como das relações entre homens e mulheres. As obras deHelieth Saffioti, Ivone Gebara, Suely s. Almeida, Iara Bongiovani, foram os principaisreferenciais teóricos deste trabalho. A tensa relação gênero/classe traz para o contexto destetrabalho as perguntas: quais as faces da violência que sofrem as mulheres camponesas? Quaisas razões de seu silêncio?

Biografia do Autor

Carmen Lorenzoni
Carmen Lorenzoni é graduada em Teologia pela PUC de Porto Alegre e Pós-graduada em Estudos LatinoAmericanos pela Universidade Federal de Juiz de Fora.
Publicado
2012-10-08