Homens no Serviço Social: Primeiras Impressões

  • Pedro Simões
  • Luciana Zucco
Palavras-chave: Serviço Social, Gênero, Mercado

Resumo

O presente texto busca identificar igualdades e desigualdades entre assistentes sociaishomens e mulheres no mercado de trabalho. Para isso, o trabalho recupera dados dasPNADs (Pesquisas Nacionais de Amostra Domiciliar) de 2001 a 2007, buscandoverificar, através de testes estatísticos, em que aspectos os assistentes sociais homens emulheres se distinguem. O ponto central do texto está em identificar se os assistentessociais homens assumem uma forma de ação “masculina” no mercado, ou se aderem àidentidade feminina socialmente conferida à profissão. A análise dos dados indica que osassistentes sociais homens se colocam (ou são identificados como) provedores de suasfamílias e, assim, embora estejam nos mesmos espaços institucionais e ocupem asmesmas funções que as assistentes sociais mulheres, eles trabalham mais horas e buscamcomplementar suas rendas, com outras fontes de recursos. Os assistentes sociais homensmantém sua identidade masculina, mesmo em uma profissão feminina.

Biografia do Autor

Pedro Simões
Assistente Social (UFRJ), Mestre em Serviço Social (UFRJ) e Doutor em Sociologia (IUPERJ). Professor AdjuntoESS/UFRJ.
Luciana Zucco
Mestre em Serviço Social (PUC-Rio) e Doutora em Ciências da Saúde (FIOCRUZ). Professora Adjunta ESS/UFRJ.
Publicado
2012-10-08