Sob os caminhos e as cores de Iansã

Resumo

Relato de minha experiência na Festa de Santa Bárbara do ano de 2019, ocorrida em Salvador na Bahia acompanhado de Ensaio fotográfico no qual procuro retomar os percursos, nem tão lineares, que tracei durante a carreata. A proposta é que o pequeno texto dialogue com as imagens, mas que elas sejam entendidas como ensaio fotográfico. Assim sendo, procurei trabalhar com as cores em tons quentes que remetessem ao raio e ao fogo e também entender o deslocamento dos fieis pelas ruas, ladeiras e vielas de Salvador. Não entendo como um ensaio religioso, mas como uma experiência visual na qual para, além do caráter religioso, me centrei nas percepções compartilhadas e nas próprias conversas e diálogos que fui escutando pelos caminhos. Deixei que as ladeiras e as cores me revelassem os caminhos até Iansã. E, é esse o percurso que proponho: uma mistura entre tradição, religião e estética que me foram proporcionados pela experiência das ruas.

 

Publicado
2020-12-15