Interseções entre gênero, sexualidade e curso da vida

  • Raphael Bispo Professor Adjunto do Departamento de Ciências Sociais (DPCSO) e do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCSO) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
  • Carlos Eduardo Henning Professor Adjunto (Classe C, Nível 1) de Antropologia no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (PPGAS) e na Faculdade de Ciências Sociais (FCS) da Universidade Federal de Goiás (UFG).
  • Gustavo Santa Roza Saggese Pós-doutorando no Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo

Resumo

Apresentação do dossiê "Interseções entre gênero, sexualidade e curso da vida", organizado por Raphael Bispo, Carlos Eduardo Henning e Gustavo Santa Roza Saggese

Biografia do Autor

Raphael Bispo, Professor Adjunto do Departamento de Ciências Sociais (DPCSO) e do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCSO) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Professor Adjunto do Departamento de Ciências Sociais (DPCSO) e do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCSO) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Carlos Eduardo Henning, Professor Adjunto (Classe C, Nível 1) de Antropologia no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (PPGAS) e na Faculdade de Ciências Sociais (FCS) da Universidade Federal de Goiás (UFG).
Carlos Eduardo Henning é Professor Adjunto (Classe C, Nível 1) de Antropologia no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (PPGAS) e na Faculdade de Ciências Sociais (FCS) da Universidade Federal de Goiás (UFG). Atualmente é coordenador do curso de Licenciatura em Ciências Sociais na FCS/UFG. Foi também coordenador da área de Antropologia na FCS/UFG (2014-2016). É pesquisador do Ser-Tão - Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Sexualidade. Desenvolveu um período de pós-doutoramento no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da USP (2014). Doutor em Antropologia Social pela UNICAMP (2014). Mestre em Antropologia Social pela UFSC (2008). Foi "visiting scholar" durante o estágio doutoral sanduíche na University of California Santa Cruz (2011-2012). Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia Urbana, Antropologia das Relações de Gênero e Sexualidade, Antropologia do Curso da Vida e Gerontologia Social. Suas pesquisas abordam temas como: relações de gênero, sexualidade, homoerotismo, relações intergeracionais, envelhecimento, meia idade, velhice, sociabilidades, territorialidades, apropriações sociais do espaço e intersecções de marcadores sociais da diferença como idade/geração, gênero, classe, "raça", e corporalidades. É pesquisador também vinculado ao NUMAS - Núcleo de Estudos sobre Marcadores Sociais da Diferença (PPGAS/USP), ao grupo de pesquisa Gênero e Envelhecimento (IFCH/Unicamp) e ao Transes - Núcleo de Antropologia do Contemporâneo (PPGAS/UFSC). Sua tese "Paizões, Tiozões, Tias e Cacuras: envelhecimento, meia idade, velhice e homoerotismo masculino na cidade de São Paulo" foi indicada pelo PPGAS/Unicamp ao prêmio ANPOCS de melhor tese em 2015. Ademais, sua tese foi recentemente aprovada para publicação em livro pela Editora da Unicamp e o manuscrito se encontra atualmente em processo de adaptação. Seu artigo "Is Old Age Always Already Heterosexual and Cisgender? The LGBT Gerontology and the formation of the LGBT Elders" - publicado na Revista Vibrant em 2016 - recebeu menção honrosa no Prêmio Carlos Monsiváis (área de Ciências Sociais) da Seção de Sexualidades da LASA - Latin American Studies Association em 2017. ORCID: orcid.org/0000-0003-2103-2821
Gustavo Santa Roza Saggese, Pós-doutorando no Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo
Graduado em Ciências Sociais pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2006), mestre em Saúde Coletiva pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2009) e doutor em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo (2015). Atualmente é pós-doutorando no Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e pesquisador vinculado ao Núcleo de Estudos sobre Marcadores Sociais da Diferença (NUMAS/USP) e ao Núcleo de Pesquisa em Direitos Humanos e Saúde da População LGBT (NUDHES/FCMSCSP). Foi membro da comissão editorial da Cadernos de Campo - Revista dos Alunos de Pós-Graduação em Antropologia Social da USP em 2012 e da Novos Debates - Fórum de Debates em Antropologia em 2016. É sócio efetivo da Associação Brasileira de Antropologia (ABA) e membro da International AIDS Society (IAS). Tem experiência na área de Antropologia e de Saúde Coletiva, com ênfase em Antropologia da Sexualidade e interesse nos seguintes temas: gênero, homossexualidade, travestilidade, transexualidade, geração, subjetividades, direitos sexuais, HIV/AIDS e políticas públicas de saúde.
Publicado
2018-07-23