Reconfigurações do agir professoral e tomada de consciência do professor em contexto de formação continuada

  • Eulália Vera Lúcia Fraga Leurquin
  • Camila Maria Marques Peixoto

Resumo

Analisamos a reconfiguração do agir professoral, a partir das pistas linguísticas e discursivas oriundas de textos produzidos em situação de autoconfrontação. Nesse contexto, consideramos os efeitos desenvolvimentais para a tomada de consciência profissional dos professores em situação de formação. Dos onze encontros do curso de formação dos professores do ProJovem Urbano, selecionamos um cujo objetivo era mostrar as relações entre as reconfigurações do trabalho do professor e a tomada de consciência do seu trabalho. Para as análises dos dados, utilizamos o quadro teórico e metodológico Interacionismo Sociodiscursivo, considerando as figuras de ação (BULEA, 2010). Observamos, no discurso dos professores, a explicitação de seus objetivos, a cristalização do agir, a reapropriação da ação e a avaliação de seu trabalho.

Publicado
2019-09-13
Seção
Seção 3 – ISD e formação docente: trabalho, concepções e representações