Classifi cação e Diagnóstico de Transtornos Alimentares na Infância: Nem DSM, nem CID-10

  • Nádia Prazeres Pinheiro
Palavras-chave: Transtornos alimentares, infância, diagnóstico, DSM-IV, CID-10

Resumo

Este artigo descreve as principais difi culdades e limitações para diagnosticar transtornos alimentares na infância sob os critérios do DSM-IV e
CID-10. São revistos todos os critérios de cada tipo de transtorno e paralelamente à sua indicação são apontados os principais pontos frágeis e
de críticas. Em seguida, é feita uma explanação acerca dos transtornos subclínicos que, apesar de serem de difícil detecção, também prescindem
de um diagnóstico precoce. Ao fi nal, se apresenta um sistema de classifi cação ainda pouco difundido no Brasil: GOS, que é uma sistematização
dos tipos de transtornos alimentares infantis e seus sintomas, baseada em achados de investigações. Deste modo, o propósito é de trazer novas
possibilidades para discutir o refi namento do diagnóstico infantil.

Publicado
2017-10-16
Seção
Artigos