Identidade e poder no processo comunicativo: A multidimensionalidade dos sujeitos comunicantes

Palavras-chave: processo comunicativo, identidade, poder

Resumo

O objetivo deste artigo é propor uma perspectiva crítica para compreender o processo comunicativo. O caráter multidimensional dos sujeitos, que estão em comunicação, põe em cheque as pesquisas monocausais, funcionalistas e positivistas. Uma nova ciência da “recepção comunicativa” nasce a partir de olhares voltados à constituição identitária dos sujeitos e suas inter-relações históricas e políticas com os meios. Notamos que as dimensões identitárias pressupõem diferença, movimento, performatividade, intersecção e poder. Características essas que também são próprias da linguagem e das culturas, e que orientam o próprio devir das dimensões políticas da comunicação e dos sujeitos. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Julherme José Pires, Universidade do Vale do Rio dos Sinos
Mestrando em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Graduado em Comunicação Social - Habilitação em Jornalismo e com Especialização em Cinema e Realização Audiovisual pela Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó). Atualmente integra o Grupo de Pesquisa Processos Comunicacionais: epistemologia, midiatização, mediações e recepção (Processocom) e da Rede Temática de Cooperação Científica: Comunicação, Cidadania, Educação e Integração na América Latina (Rede AMLAT).
Alberto Efendy Maldonado Gómez de la Torre, Universidade do Vale do Rio dos Sinos
Doutor em Ciências da Comunicação pela USP, professor/pesquisador do PPGCC-UNISINOS. Titular da Cátedra Armand Mattelart, CIESPAL, pesquisador CNPq, investigador Prometeo CIESPAL, membro do Colégio de Brasilianistas INTERCOM, coordenador da Rede AMLAT, coordenador do grupo de pesquisa PROCESSOCOM. Consultor CAPES, CNPq, Fapergs, ALAIC, Humboldt, Universidad Complutense de Madri, Universidad Autónoma de Barcelona.

Referências

BERGSON, Henri. A evolução criadora. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

BUTLER, Judith. Corpos que pesam: sobre os limites discursivos do “sexo”. In: LOURO, Guacira Lopes (Org.). O corpo educado: pedagogias da sexualidade. Tradução de Tomaz Tadeu da Silva. Belo Horizonte: Autêntica, 2001.

CORCUFF, Philippe. ¿Qué ha pasado con la teoría crítica? Problemas, intereses en juego y pistas. Revista Cultura y representaciones sociales, v.9, n.18. México: UNAM, 2015.

CRENSHAW, Kimberlé. Documento para o encontro de especialistas em aspectos da discriminação racial relativos ao gênero. Estudos Feministas, Florianópolis, v. 10, n. 1, p. 171-188, jan. 2002. Disponível em: . Acesso em: 26 jul. 2016.

ESCOSTEGUY, Ana Carolina D. Cartografia dos estudos culturais: uma versão latino-americana. Belo Horizonte: Autêntica, 2001.
FOUCAULT, Michel. Microfísica do poder. Tradução de Roberto Machado. Rio de Janeiro: Graal, 1984.

HALL, Stuart. Quem precisa de identidade? In: SILVA, Tomaz Tadeu da (Org.). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis: Vozes, 2009.

MALDONADO, A. Efendy. Panorâmica da investigação em comunicação no Brasil: Processos receptivos, cidadania e dimensão digital. Salamanca: Comunicación Social Ediciones y Publicaciones, 2014.

RANCIÈRE, Jacques. O desentendimento: política e filosofia. Tradução e Ângela Leite Lopes. São Paulo: Ed. 34, 1996.

REPOLL, Jerónimo. Arqueologia de los estudios culturares de audiencia. Ciudad de México: Universidad Autônoma de la Ciudad de México, 2010.

RODRIGUES, Cristiano. Atualidade do conceito de interseccionalidade para a pesquisa e prática feminista no Brasil. In: Seminário Internacional Fazendo Gênero, 10., 2013, Florianópolis. Anais eletrônicos... Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2013. Disponível em: . Acesso em: 26 jul. 2016.

SILVA, Tomaz Tadeu da. A produção social da identidade e da diferença. In: SILVA, Tomaz Tadeu da (Org.). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis: Vozes, 2009.
Publicado
2018-04-30
Como Citar
PIRES, J. J.; MALDONADO GÓMEZ DE LA TORRE, A. E. Identidade e poder no processo comunicativo: A multidimensionalidade dos sujeitos comunicantes. Lumina, v. 12, n. 1, p. 185-200, 30 abr. 2018.