Videogames por uma poética da interatividade Entrevista com Marie-Laure Ryan

Autores

  • Júlia Pessôa

DOI:

https://doi.org/10.34019/1981-4070.2010.v4.20919

Resumo

No atual contexto das investigações acadêmicas dos jogos eletrônicos, a pesquisadora suíça Marie-Laure Ryan, radicada nos Estados Unidos, é um dos principais expoentes. Professora residente da Universidade do Colorado (EUA) e advinda dos estudos literários, Ryan trouxe uma nova perspectiva para os estudos dos videogames, propondo analisá-los em seu potencial narrativo. Com dezenas de artigos e três livros publicados sob esta ênfase, a maior contribuição da autora foi a discussão dos aspectos narrativos dos games fora do debate Narratologistas versus Ludologistas. O antagonismo, que se tornou clássico nos Game Studies, concebe que os jogos eletrônicos só podem ser compreendidos por seus aspectos narratológicos ou pelos lúdicos, de forma excludente. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-12-06

Como Citar

PESSÔA, J. Videogames por uma poética da interatividade Entrevista com Marie-Laure Ryan. Lumina, [S. l.], v. 4, n. 2, 2010. DOI: 10.34019/1981-4070.2010.v4.20919. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/lumina/article/view/20919. Acesso em: 23 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos Internacionais