Atividades de escrita em textos de alunos do 7º ano do ensino fundamental

normativismo versus perspectiva interacionista e sociodiscursiva no âmbito das ações pedagógicas de ensino de língua portuguesa

  • Heliud Luis Maia Moura

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar produções escritas de alunos do 7º ano do ensino fundamental e considerações avaliativas do professor sobre essas produções, tendo em conta as proposições interpostas pelo interacionismo sociodiscursivo. Tomo como referencial as postulações de Bakhtin (2006, 2010a, 2010b, 2016), Bronckart (2007), Vigotsky (2003, 2005) e Schneuwly e Dolz (2004), para os quais as atividades de linguagem, no âmbito escolar, devem estar consorciadas com as práticas em mobilização na sociedade. O corpus consta de 6 (seis) textos. As análises apontam para o fato de que essas narrativas configuram maneiras pelas quais os alunos se instituem como produtores de seus discursos, indo na contramão de prescrições realizadas por professores.

Publicado
2019-09-13
Seção
Seção 4 – ISD e ensino: documentos norteadores, recursos e propostas didáticas