Comportamento pró-social através da técnica da carta perdida (Há vagas para altruísmo em estacionamentos universitários?)

  • Adriana Nunan
  • Bernardo Jablonski
Palavras-chave: comportamento pró-social, carta perdida, estudantes universitários, atitudes.

Resumo

O presente estudo procurou avaliar o comportamento de ajuda entre estudantes e frequentadores de campus universitários utilizando a técnica da carta perdida. Nossa hipótese era a de que mulheres receberiam mais ajuda que homens que, por sua vez, seriam mais ajudados do que indivíduos homossexuais. Com este objetivo, um pedido de ajuda (escrito por um homem heterossexual, uma mulher heterossexual ou um homem homossexual) foi colocado nos para-brisas de carros em estacionamentos de universidades das cidades do Rio de Janeiro e de Niterói, num total de 102 cartas. Foi usada como base uma pesquisa semelhante realizada em Brasília (Silva et al., 1998). Obteve-se um baixo retorno das cartas perdidas (16,7%), o que sugere um grau de comportamento pró-social pouco expressivo. Também não foram encontradas diferenças na taxa de respostas entre regiões (zonas das cidades) ou entre os grupos de supostos autores das cartas. Uma análise dos porquês dos resultados obtidos é apresentada ao cabo do trabalho.
Publicado
2017-12-06
Seção
Artigos