A boa vida segundo o discurso publicitário: uma análise dos conselhos comerciais sobre o bem-viver contemporâneo

  • Henrique Moreira Mazetti
Palavras-chave: discurso publicitário, cultura terapêutica,

Resumo

Parte-se da premissa de que, além da sua função expressa
de vender, a publicidade tem a capacidade de fornecer narrativas
sobre a sociedade e orientações sobre como os indivíduos devem se
relacionar uns com os outros e consigo mesmos. No interior dessa
perspectiva, interroga-se especificamente quais são as definições e os
conselhos que a publicidade contemporânea exprime sobre o bemviver.
Com esse intuito, são examinadas propagandas publicadas na
revista Veja no final da década de 2010. Conclui-se que o discurso
publicitário organiza suas definições sobre a boa vida através do
emprego de referências ao risco, por meio do reforço da individualidade
como liberdade de escolha no universo do consumo e mediante
apelos ao aprimoramento pessoal.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-06-13
Como Citar
MAZETTI, H. M. A boa vida segundo o discurso publicitário: uma análise dos conselhos comerciais sobre o bem-viver contemporâneo. Lumina, v. 5, n. 1, 13 jun. 2011.
Seção
Artigos