v. 17 n. 2 (2011): Dossiê História e Gênero
Dossiê

Traços invisíveis no papel: e impressoras antigas na Espanha e no México (séculos XVI a XIX)

Publicado April 23, 2012
Palavras-chave
  • Impressoras,
  • Imprensa antiga,
  • Espanha,
  • México
Como Citar
Gravier, Marina Garone, e Albert Corbeto López. 2012. “Traços invisíveis No Papel: E Impressoras Antigas Na Espanha E No México (séculos XVI a XIX)”. Locus: Revista De História 17 (2). https://periodicos.ufjf.br/index.php/locus/article/view/20350.

Resumo

A historiografia do livro e da imprensa antiga apresenta um notável vazio quanto ao papel que as mulheres desempenharam no negócio editorial. Ainda que recentemente haja surgido alguns ensaios e artigos sobre o tema, ainda são majoritariamente desconhecidos os nomes e as atividades de grande parte destas impressoras. No presente artigo, comentam-se as ações de pesquisa e visibilização que, desde alguns anos, os autores do texto desenvolveram para contribuir com o conhecimento dessa faceta do trabalho feminino, oferecendo, assim, novas informações para a compreensão de alguns casos da Espanha e do México.