Análise baropodométrica dos corredores de rua na cidade de Fortaleza/CE

Autores

  • Klaus Aragão Albuquerque Centro Universitário Estácio do Ceará
  • Thiago Brasileiro de Vasconcelos Universidade Federal do Ceará
  • Michelle Rabelo Faculdade de Tecnologia Intensiva
  • Micheline Freire Alencar Costa Centro Universitário Estácio do Ceará
  • Teresa Maria da Silva Câmara Centro Universitário Estácio do Ceará
  • Raimunda Hermelinda Maia Macena Universidade Federal do Ceará
  • Vasco Pinheiro Diógenes Bastos Centro Universitário Estácio do Ceará

Palavras-chave:

Corrida, Avaliação, Pressão, Equilíbrio Postural.

Resumo

Este estudo objetiva analisar as pressões plantares dos corredores de rua na cidade de Fortaleza/CE, bem como o tipo de pé e traçar o perfil epidemiológico dos mesmos. Estudo exploratório-descritivo analisou as pressões plantares e tipo de pé de corredores de rua na cidade de Fortaleza/CE. Amostra de 13 indivíduos, ambos os sexos, com mais de um ano de treinamento. A avaliação ocorreu entre agosto e novembro de 2007 através de plataforma de força no modo estático e plantigrama. Os corredores apresentaram média de pressão plantar em antepé de 55,15% (±2,56) e de retropé 44,84% (±2,56) e tipo de pé plano (38,46%) e 42,30% pé cavo. Há uma inversão das pressões plantares, sendo sugerido que a deformidade dos arcos plantares e a inversão representem um fator de aumento para as lesões nesses corredores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Brasileiro de Vasconcelos, Universidade Federal do Ceará

Downloads

Publicado

2014-04-22

Como Citar

1.
Albuquerque KA, de Vasconcelos TB, Rabelo M, Costa MFA, Câmara TM da S, Macena RHM, Bastos VPD. Análise baropodométrica dos corredores de rua na cidade de Fortaleza/CE. HU Rev [Internet]. 22º de abril de 2014 [citado 17º de junho de 2024];38(3 e 4). Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/hurevista/article/view/2009

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)