A variação na marcação de plural nos sintagmas nominais (SNs) na fala de informantes de duas comunidades tocantinenses

  • Cícero da Silva

Resumo

Nesta pesquisa, investigou-se a variação na marcação de plural nos sintagmas nominais (SNs) na fala de Palmeirante e Pequizeiro, Estado do Tocantins. Com base no quadro teórico da sociolinguística variacionista (LABOV, 2008), o fenômeno em questão é analisado numa amostra de dezesseis entrevistas de sessenta minutos cada uma, com dezesseis informantes desses municípios. Os resultados apontam para um quadro de variação estável, todavia o fenômeno está condicionado por fatores sociais e linguísticos.

Publicado
2019-06-16
Seção
Artigos