Sustentabilidade das novas diretrizes curriculares para Enfermagem e o papel de coordenadores de curso

  • Jackeline Cristiane Santos Doutoranda em Educação da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).
  • Mara Regina Lemes de Sordi Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Resumo

Objetivo: Relacionar a concepção de refração proposta por Goodson e Rudd quanto ao papel dos coordenadores de curso na construção da sustentabilidade das novas diretrizes curriculares para a graduação em Enfermagem. Metodologia: O texto foi produzido a partir de leituras do educador Ivor Goodson, durante a disciplina Práticas Curriculares e Narrativas Docentes, oferecida pelo Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Resultados: O conceito de refração de Goodson; Rudd ajuda a entender a multiplicidade de fatores que afetam a disposição de atores em processos de implementação de políticas educacionais. Entre esses fatores, destacamos a história de vida dos atores envolvidos no processo, visando a antever como a implementação das novas diretrizes se enuncia para, a partir disso, pensar estratégias de ajuste da política. Considerações finais: Diante disso, recomendamos a construção de espaços para que um número possível de coordenadores construa narrativas acerca de suas histórias de vida.

Biografia do Autor

Jackeline Cristiane Santos, Doutoranda em Educação da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).
Enfermeira; Doutoranda em Educação (UNICAMP), pesquisadora do LOED (Laboratório de Observação e Estudos Descritivos).
Mara Regina Lemes de Sordi, Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).
Professora da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Coordenadora do grupo de pesquisa LOED (Laboratório de Estudos Descritivos) e da linhha de pesquisa Currículo, Avaliação e Docência.

Referências

Houaiss A, Villar MS. Minidicionário Houaiss da Língua Portuguesa. 3ª edição. Rio de Janeiro: Objetiva; 2008.

Bagnato MH, Rodrigues RM. Diretrizes curriculares na graduação em enfermagem: pensando contextos, mudanças e perspectivas. Revista Brasileira de Enfermagem. 2007; 60(5):507-512.

Teixeira E. Em tempos de novas Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Graduação em Enfermagem. Revista de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Maria. 2017;7(2): 3-4.

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira. Sinopse Estatística da Educação Superior 2015. Brasília: Inep, 2016. [Citado em 18 Jun. 2018]. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/basica-censo-escolar-sinopse

Goodson IF, Rudd T. Refraction as a tool for understanding action, educational orthodoxy and transgression. Revista Tempos e Espaços em Educação. 2016; 9(18): 99-110.

Lana FCF, Barbieri M, Bocardi MIB. Compromisso ético-político dos coordenadores de cursos de graduação com a qualidade do ensino. In: Teixeira E, Vale EG, Fernandes JD, Sordi MRL. O ensino de graduação em enfermagem no Brasil: O ontem, o hoje e o amanhã. Brasília: INEP, Ministério da Educação. 2006.

Bondioli A. O projeto pedagógico da creche e a sua avaliação: a qualidade negociada. Campinas: Autores Associados, 2004.

Tello C, Mainardes J. La posición epistemológica de los investigadores em Política Educativa: Debates teóricos en torno a las perspectivas neo-marxista, pluraslista y pos-estructuralista. Archivos Analíticos de Políticas Educativas. 2012;20 (9). [Citado em 10 jun. 2018]. Disponível em: http://epaa.asu.edu/ojs/article/view/988

Goodson IF; Santos Rosa MIFP. The Journey of School Knowledge in High School and the concept of refraction. Pro-posições. 2018; 29(1): 293-320.

Bragança IFS. A formação como “tessitura da intriga”: diálogos entre Brasil e Portugal. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos. 2012; 93(235):579-593.

Publicado
2019-12-13
Como Citar
Santos, J. C., & Sordi, M. R. L. de. (2019). Sustentabilidade das novas diretrizes curriculares para Enfermagem e o papel de coordenadores de curso. Revista De Enfermagem Da UFJF, 5(1), 1-7. https://doi.org/10.34019/2446-5739.2019.v5.26022
Seção
Artigo de Reflexão