Avaliação da influência das técnicas de enriquecimento ambiental nos parâmetros comportamentais de um casal de Jaguatiricas (Leopardus pardalis, Linnaeus, 1758) mantidos em cativeiro no Parque do Jacarandá (Zoológico Municipal de Uberaba, Minas Gerais)

  • Thamires Manfrim
  • Cristiane Monteiro dos Santos
  • Kátia Aparecida Nunes Hiroki

Resumo

A Jaguatirica (Leopardus pardalis), é um mamífero de médio porte, pertencente a Ordem Carnivora. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência das técnicas de enriquecimento ambiental nos parâmetros comportamentais de um casal de Jaguatiricas, mantidos no Zoológico Municipal Parque do Jacarandá de Uberaba-MG. Para catalogar os comportamentos foi utilizado o método animal focal. As sessões tiveram duração de 1 hora com registros feitos a cada 30 segundos, totalizando 80 horas (20h fase I e 60h fase II). O projeto foi dividido em duas fases: antes e durante do enriquecimento. O aumento na gama de comportamentos pode ser considerado um fator positivo, indicando que os animais se apresentaram mais ativos e exploraram mais o recinto. Sendo assim, é de extrema importância a implementação de um programa de enriquecimento ambiental para a espécie estudada, bem como para todos os outros espécimes cativos.
Publicado
2017-04-06