The influences of prosodic phrasing and constituent length on garden-path sentences in Brazilian Portuguese

Autores

Resumo

Este artigo explora o papel da prosódia no processamento de frases garden-path no português brasileiro. A estrutura investigada apresenta um verbo dicendi com duas orações iniciadas por “que” (“A alunai disse à professoraj que –j estava atrasada que –i precisaria sair da sala”). A primeira oração com “que” é temporariamente ambígua, apresentando análise de oração completiva (OC) ou oração relativa (OR). Uma tarefa do tipo completion foi conduzida e 40 participantes ouviram a porção inicial de sentenças e escolheram uma resposta entre duas opções para completar o fragmento ouvido. Os resultados mostraram que a prosódia influenciou a análise dos participantes sobre os estímulos auditivos e eles escolheram a opção compatível com o fraseamento prosódico ao qual eles tinham sido expostos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2023-08-29

Edição

Seção

v. 27 n. 1 (2023): Psicolinguística experimental