A atuação argumentativa do enunciador em dois sermões de Vieira

o contexto histórico revisto numa cosmovisão atual

Autores

DOI:

https://doi.org/10.34019/1982-2243.2022.v26.38436

Resumo

RESUMO: Neste artigo, considera-se a argumentação como uma atividade linguístico-discursiva realizada  em determinada situação, com finalidade  persuasiva do sujeito enunciador sobre o outro na interação  Objetiva-se demonstrar,  pela análise qualitativa  de dois sermões de Vieira – Sermões XIV e XXVII-, como se dá a mise-en-scène do enunciador perante seu público destinatário, com o fim de levá-lo à aceitação de teses apresentadas.  A fundamentação teórica relaciona-se com os princípios de teorias do discurso, entre elas  a Semiolinguística (CHARAUDEAU, 2008), que defende a relação entre forma  e  sentido subsequente, relacionando-os com  teorias da enunciação. Serão observadas as condições situacionais  à época dos Sermões, comparando-as com a noção  atual de de(s)colonização dos discursos relacionados às populações afrodescendentes. Considerações históricas a respeito do contexto situacional são importantes pois, segundo a Teoria Semiolinguística, há íntima relação entre o uso da língua, o contrato comunicativo, os dados situacionais e a performance argumentativa dos enunciadores no discurso.

 

Palavras- chave: Discurso argumentativo. Contrato comunicativo. Contexto social. Ação e influência

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Aparecida Lino Pauliukonis, Universidade Federal do Rio de Janeiro UFRJ

Chamada para o volume 2, n. 26, 2022

 

Maria Aparecida Lino Pauliukonis

 

Orcid: https://orcid.orcid.org/0000-0001-80579961

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2045541091292921

 

Minibiografia — Professora Titular e Emérita de Língua Portuguesa da Faculdade de Letras da UFRJ, é Graduada em Letras (Português-Inglês) pela Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de Franca — campus avançado da USP, Mestre em Literatura pela Universidade de São Paulo (USP), Doutora em Língua Portuguesa pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com Pós-Doutorado em Análise do Discurso pela Universidade Paris 13, sob a supervisão de Patrick Charaudeau. Na Faculdade de Letras da UFRJ, atua desde 1982 na Graduação e, desde 1990, também na Pós-Graduação nas áreas de Linguística do texto, língua e ensino. Desenvolve pesquisas e tem publicações em Semântica lexical, Linguística do Texto e Análise do Discurso. Criou e coordenou o Laboratório de pesquisa CIAD-Rio (Círculo Interdisciplinar de Análise do discurso) com pesquisadores da UFRJ, UFF, UERJ e UNIRIO desenvolvendo Projeto sobre "Modalização e Enunciação no discurso midiático e literário". Foi Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Letras Vernáculas da UFRJ de 2010-2012; tem orientado vários alunos de Graduação — Iniciação Científica e de Pós-Graduação — Mestrado, Doutorado —, além de supervisionar também estágios de Pós-Doutorado.

 

Email: aparecidalino@gmailcom; aparecidalino@letras.ufrj.br

Endereço Residencial:  Rua Professor Valadares, 161, Grajaú, Rio de Janeiro (RJ), CEP: 20561-020

Instituição – Faculdade de Letras – Depto.de Letras Vernáculas – Universidade Federal do Rio de Janeiro. (UFRJ).  Campus do Fundão

Telefones para contato: (21) 995931324/ (21) 2576 8827

 

Publicações mais recentes:

 

PAULIUKONIS, M. A. Lino; ASSAD Alvares, Claudia. Texto como discurso: a formação do leitor consciente do processo de enunciação. PERcursos Linguísticos. Vitória (ES), v. 11, n. 29, 2021, p. 258-278. ISSN: 2236-2592. Dossiê temático: O texto na pesquisa e no ensino: conhecimentos, práticas e desafios na contemporaneidade. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/percursos/article/view/36761. Acesso em: mar. 2022.

 

PAULIUKONIS, M. A. Lino et alii. Nova Gramática para o Ensino Médio: reflexões e práticas em língua portuguesa. 2. ed. Rio de Janeiro: Lexikon. 496 p.

 

PAULIUKONIS, M. A. Lino; ASSAD Alvares, Claudia. Texto e construção de sentidos: propostas para leitura e interpretação. Linha d’Água: São Paulo, v. 34, n. 01, p. 116-136, jan.-abr. 2021. DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2236-4242.v34i1p116-136. Disponível em: Vista do Texto e construção de sentidos: propostas para leitura e interpretação (usp.br). Acesso em: jun. 2021.

 

PAULIUKONIS, M. A. Lino; ASSAD Alvares, Claudia. Marcadores de oposição: análise e propostas didático-pedagógicas. SIMÕES, Darcilia; TEIXEIRA, Madalena (orgs.).  Propostas Didático-pedagógicas para as Aulas de Português. Tomo I – Brasil. – (Coleção AILP – Associação Internacional de Linguística do Português), v. 3. Tomo I, p. 144-168. – Rio de Janeiro: Dialogarts, 2019. ISBN 978-85-8199-131-3. Disponível em: http://www.dialogarts.uerj.br/arquivos/colecoes_ailp/propostas_didatico_pedagogicas-tomo1.pdf. Acesso em: mar. 2021.

 

PAULIUKONIS, M. A. Lino & Análise da estrutura correlata (não X mas sim Y) e seu valor argumentativo no gênero “meme”. In: Revista (Con) Textos linguísticos, v.27, p.487-495, UFES, Vitória (ES), 2020. ISBN:  2317 3475

 

PAULIUKONIS, MAL et alii: FERES, B; GOUVÊA, LH; MONNERAT, R; RIBEIRO, P.N.

 A enunciação enunciada: reflexões sobre diálogo entre a LTXT e a Semiolinguística. Dossiê temático: Linguística Textual e Análise da conversação: conceitos e critérios de análise. In:  Revista (Con) Textos Linguísticos, v.13, n. 25. p. 135-158, UFES, Vitória (ES), 2019.  ISBN:  2317 3475

 

 

 

 

Downloads

Publicado

2022-12-19