“Por que você é voluntário?” As representações de si de um professor voluntário em um Centro de Atendimento ao Refugiado

Autores

  • Carlos Gustavo Camillo Pereira PUC-Rio

DOI:

https://doi.org/10.34019/1982-2243.2021.v25.33577

Resumo

Este trabalho visa compreender os enquadres e a representações de si desempenhadas por um professor voluntário que atua lecionando português para estrangeiros em um Centro de Atendimento ao Refugiado. Os dados foram gerados a partir de uma entrevista, que, nesta pesquisa, é compreendida como um evento social complexo e co-construído. Adicionalmente, os dados são investigados a partir das noções de footing e de enquadres, em conjunto categorias analíticas da Análise Crítica do Discurso. Por fim, as interações do professor entrevistado apontam para um entendimento de que atuar como um voluntário é uma vocação inata ao indivíduo filantrópico. Assim, o entrevistado gerencia a sua imagem como uma pessoa que possui uma essência humanitária.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-08-17