Efeitos da instrução explícita de pronúncia na inteligibilidade local: um estudo sobre a identificação, por ouvintes brasileiros, de vogais médias anteriores produzidas por um aprendiz argentino de português brasileiro

Autores

Resumo

Partindo-se de uma concepção de ensino de pronúncia com foco na inteligibilidade da fala (LEVIS, 2005, 2018), verificamos os efeitos da instrução explícita na identificação, por ouvintes brasileiros, das vogais médias anteriores do PB produzidas por um aprendiz argentino. O instrumento de percepção contou com dados obtidos de um pré-teste, um pós-teste imediato e um de retenção (18 semanas após a instrução). Os resultados evidenciam uma melhora significativa nos índices de identificação da categoria /ɛ/ no pós-teste imediato. A análise acústica dos estímulos, associada à verificação dos dados de identificação, mostra que os ouvintes brasileiros tomam F1 como pista prioritária para a distinção entre as categorias fonológicas de /e/ e /ɛ/ nas produções em L2 do aprendiz.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-12-29