1) O outro que nos conta: modos de tomar posse

  • Zélia Maria Viana Paim (URI/Santiago-RS)

Resumo

Inglês: This article proposes some reflections on the “discourse of the discovering,” then the Diário de Primeira Viagem by Christopher Columbus (1493) and the Carta by Pero Vaz de Caminha (1500) have been elected as object of analysis. The area in which this work is situated is that of Linguistic Studies and the analysis has theoretical methodological basis in Analysis of Discourse (Pêcheux, 1988, Orlandi, 1987, 1988, 1990, 1997, 2003 and Nunes 1994). The discourses in analysis provided discursive sequences tailored to fit the question to be investigated: the constitution of the senses to the discoverer and to the discovered. As a result, it has been proved that the “discourse of the discovering” has been constituted as “ways of taking possession”, historically and ideologically determined.
Key words: discourse; subject; sense; history.


Tradução: Esse artigo propõe algumas reflexões sobre o “discurso das descobertas”. Para isso, elege-se como objeto de análise o Diário da Primeira Viagem escrito por Cristóvão Colombo, em 1493, e a Carta de Pero Vaz de Caminha escrita em 1500. A área em que se situa este trabalho é a dos Estudos Linguísticos e a análise tem base teórico-metodológica na Análise de Discurso (Pêcheux, 1988, Orlandi, 1987, 1988, 1990, 1997, 2003 e Nunes, 1994). Os discursos em análise forneceram sequências discursivas recortadas em função da questão a ser investigada: a constituição dos sentidos para o descobridor e para o descoberto. Como resultado verifica-se que o “discurso das descobertas” constitui-se como “modos de tomar posse” histórico e ideologicamente determinado.
Palavras-chave: discurso; sujeito; sentido; história.
Publicado
2016-07-06
Edição
Seção
Artigos