Fatores associados ao grau de dependência à nicotina em pacientes tabagistas internados no Hospital Universitário da UFJF

Autores

Palavras-chave:

Tabagismo. Abandono do uso de tabaco. Hospitalização

Resumo

Dados que contribuam para a identificação do perfil de pacientes tabagistas hospitalizados são importantes para melhor caracterização do problema, construção e implementação de protocolos sistematizados para a abordagem e acompanhamento dessa população. O objetivo deste estudo foi avaliar o perfil do paciente tabagista admitidos em um Hospital Universitário, identificando variáveis associadas à dependência nicotínica. O recrutamento aconteceu no Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora, no período de maio de 2017 à janeiro de 2019. O grau de dependência à nicotina foi avaliado pelo teste de Fagerström. 400 indivíduos integraram a amostra, a maior parte pertencente a faixa etária entre 31 e 60 anos. 49,7% dos participantes eram do sexo feminino. Encontramos alta prevalência de sintomas relacionados a ansiedade e depressão, de evidências de consumo excessivo de álcool e de maior grau de dependência à nicotina. A presença de maior dependência à nicotina foi mais frequente no sexo feminino (p=0,06). O grupo com maior dependência à nicotina apresentou maior prevalência de sintomas de ansiedade e depressão (p=0,04). Além disso, este grupo apresentou maior grau de fissura (p=0,00). Na abordagem para cessação do tabagismo é fundamental que sejam considerados os fatores que fazem dessa população um grupo heterogêneo, direcionando-a ao perfil dos diversos subgrupos, em particular daqueles com maior grau de dependência.

Palavras-chave: Tabagismo. Abandono do uso de tabaco. Hospitalização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafaela de Oliveira Andrade, Universidade Federal de Juiz de Fora

Bolsista do Programa de Iniciação Científica: Entrevista Motivacional e Mensagens de texto como suporte para cessação tabágica após alta hospitalar. Bolsista PIBIC/CNPq/UFJF edital 01/2019.

Isabella Oliveira Lanzieri, Universidade Federal de Juiz de Fora

Bolsista do Programa de Iniciação Científica: Entrevista Motivacional e Mensagens de texto como suporte para cessação tabágica após alta hospitalar. Bolsista PIC/UFJF edital 01/2019.

Lígia Menezes do Amaral, Universidade Federal de Juiz de Fora

Pneumologista, doutora em Saúde Coletiva, Profa. Assistente da Faculdade de Medicina

Mônica Souza dos Santos, HU-UFJF

Enfermeira do Centro Interdisciplinar de Pesquisa e Intervenções no Tabagismo (CIPIT) do Hospital Universitário da UFJF.

Isabel Cristina Gonçalves Leite, Universidade Federal de Juiz de Fora

Doutora em Saúde pública, Profa. Associada da Faculdade de Medicina.

Referências

AGUIRRE, Claudia G., et al. Intersectionality in the Prediction of Smoking Outcome Expectancies in Regular Cigarette Smokers. Behavior Modification, vol. 40, n. 1–2, p. 281–302, 5 jan. 2016. DOI 10.1177/0145445515608146. Disponível em: http://journals.sagepub.com/doi/10.1177/0145445515608146. Acesso em: 15 nov. 2020.

AMARAL, Lígia Menezes do. Mensagens de texto como estratégia para o seguimento pós-alta do paciente tabagista: um ensaio clínico randomizado. 197 f. Tese (doutorado em Saúde Coletiva) – Universidade Federal de Juiz de Fora, 2020.

BARRETO, Rafael Balsini., et al. Tabagismo entre pacientes internados em um hospital universitário no sul do Brasil: prevalência, grau de dependência e estágio motivacional. Jornal Brasileiro de Pneumologia, vol. 38, n. 1, p. 72–80, feb. 2012. DOI 10.1590/S1806-37132012000100011.Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-37132012000100011&lng=pt&tlng=pt. Acesso em: 25 set. 2020.

BUSH, Kristen. The AUDIT Alcohol Consumption Questions (AUDIT-C)An Effective Brief Screening Test for Problem Drinking. Archives of Internal Medicine, vol. 158, n. 16, p. 1789, sep. 1998. Disponível em: https://doi.org/10.1001/archinte.158.16.1789. Acesso em: 16 nov. 2020.

CARDOSO, Diogo Barbalho, et al. Fatores relacionados ao tabagismo e ao seu abandono. Revista de Medicina, vol. 89, n. 2, p. 76–82, 2010. Disponível em: https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v89i2p76-82. Acesso em: 25 set. 2020.

CAVANAGH, Anna, et al.. Differences in the Expression of Symptoms in Men Versus Women with Depression: A Systematic Review and Meta-analysis. Harvard Review of Psychiatry, vol. 25, no. 1, p. 29–38, 2017. Disponível em: https://doi.org/10.1097/HRP.0000000000000128. Acesso em: 16 nov. 2020.

COSTA, Eleonora Cunha Veiga, et al. Perfil Sócio-demográfico e Clínico de uma Amostra de Fumantes Portugueses: Implicações do Sexo para a Intervenção na Cessação Tabágica. Psicol. teor. pesqui, vol. 32, n. 2, p. e322221--e322221, 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&amp%0Apid=S0102-37722016000200222. Acesso em: 15 nov. 2020.

DE CASTRO, Maria Da Graça Tanori, et al. Relação entre gênero e sintomas depressivos e ansiosos em tabagistas. Revista de Psiquiatria do Rio Grande do Sul, vol. 30, n. 1, p. 25–30, 2008. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0101-81082008000100008. Acesso em: 16 nov. 2020.

DICLEMENTE, Carlo, et al. The process of smoking cessation: an analysis of

precontemplation, contemplation, and preparation stages of change. Journal of

Consulting and Clinical Psychology, Washington, v. 59, n. 2, p. 295–304, 1991.

DOI: 10.1037//0022-006x.59.2.295.

FAGERSTROM, Karl -Oiov; SCHNEIDER, Nina. Measuring nicotine dependence: A review of the Fagerstrom Tolerance Questionnaire. Journal of Behavioral Medicine, vol. 12, n. 2, p. 159–182, 1989. DOI 10.1007/BF00846549. Disponível em: https://doi.org/10.1007/BF00846549. Acesso em: 16 nov. 2020.

GARCIA, Thaís, et al. Evaluation of smoking cessation treatment initiated during hospitalization in patients with heart disease or respiratory disease. Jornal Brasileiro de Pneumologia, vol. 44, n. 1, p. 42–48, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1806-37562017000000026. Acesso em: 15 nov. 2020.

GWALTNEY, Chad J.; METRIK, Jane; KAHLER, Christopher W.; SHIFFMAN, Saul. Self-Efficacy and Smoking Cessation: A Meta-Analysis. Psychology of Addictive Behaviors, vol. 23, n. 1, p. 56–66, 2009. Disponível em: https://doi.org/10.1037/a0013529. Acesso em: 15 nov. 2020.

HUGHES, John R; HATSUKAMI, Dorothy. Signs and Symptoms of Tobacco Withdrawal. Archives of General Psychiatry, vol. 43, n. 3, p. 289–294, 1 mar. 1986. DOI 10.1001/archpsyc.1986.01800030107013. Disponível em: https://doi.org/10.1001/archpsyc.1986.01800030107013. Acesso em: 3 nov. 2020.

Instituto Nacional de Câncer (INCA). Organização Pan Americana da Saúde. Pesquisa especial de Tabagismo – PETab: relatório Brasil. Rio de Janeiro: INCA; 2011.

LÖWE, Bernd, et al. A 4-item measure of depression and anxiety: Validation and standardization of the Patient Health Questionnaire-4 (PHQ-4) in the general population. Journal of Affective Disorders, vol. 122, n. 1–2, p. 86–95, 2010. DOI 10.1016/j.jad.2009.06.019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.jad.2009.06.019. Acesso em: 3 nov. 2020.

MÉNDEZ, Eduardo Brod. Uma versão brasileira do AUDIT: Alcohol Use Disorders Identification Test [thesis]. Pelotas: Universidade Federal de Pelotas; 1999.

MUSSULMAN, Laura, et al. Rapid relapse to smoking following hospital discharge. Preventive Medicine Reports, vol. 15, n. XX. November. 2018, p. 100891, 2019. DOI 10.1016/j.pmedr.2019.100891. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.pmedr.2019.100891. Acesso em: 15 nov. 2020.

PANG, Raina, et al. Gender differences in negative reinforcement smoking expectancies. Nicotine and Tobacco Research, vol. 17, n. 6, p. 750–754, 2015. Disponível em: https://doi.org/10.1093/ntr/ntu226. Acesso em: 3 nov. 2020.

REICHERT, Jonatas, et al. Diretrizes da SBPT Diretrizes para cessação do tabagismo – 2008. J Bras Pneumol, vol. 34, n. 10, p. 845–880, 2008. .

RIGOTTI, Nancy A, et al. A Post-Discharge Smoking-Cessation Intervention for Hospital Patients. American Journal of Preventive Medicine, vol. 51, n. 4, p. 597–608, 2016. DOI 10.1016/j.amepre.2016.04.005. Disponível em:: http://linkinghub.elsevier.com/retrieve/pii/S0749379716300976. Acesso em: 25 set. 2020.

ROJEWSKI, Alana, et al. Considering Systemic Barriers to Treating Tobacco Use in Clinical Settings in the United States. Nicotine and Tobacco Research, vol. 21, n. 11, p. 1453–1461, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.1093/ntr/nty123. Acesso em: 25 set. 2020.

RONZANI, Telmo Mota; ANTONIO, Fernando; COLUGNATI, Basile. Prevalence and Treatment of Tobacco Use among Patients Being Treated for Mental Disorders. Psicología, Conocimiento y Sociedad, vol. 10, n. 2, p. 101–122, 1 sep. 2020. DOI 10.26864/PCS.v10.n2.5. Disponível em:: https://revista.psico.edu.uy/index.php/revpsicologia/article/view/549/429. Acesso em: 2 dez. 2020.

SALES, Maria Penha Uchoa, et al. Atualização na abordagem do tabagismo em pacientes com doenças respiratórias. J Bras Pneumol, vol. 45, n. 3, p. 1–17, 2019.

VAN DER MEER, Regina, et al. Smoking cessation interventions for smokers with current or past depression. Cochrane Database of Systematic Reviews, 21 aug. 2013. DOI 10.1002/14651858.CD006102.pub2. Disponível em: http://doi.wiley.com/10.1002/14651858.CD006102.pub2. Acesso em: 25 set. 2020.

Downloads

Publicado

2021-12-17

Como Citar

de Oliveira Andrade, R., Oliveira Lanzieri, I., Menezes do Amaral, L., Souza dos Santos, M., & Cristina Gonçalves Leite, I. (2021). Fatores associados ao grau de dependência à nicotina em pacientes tabagistas internados no Hospital Universitário da UFJF. Principia: Caminhos Da Iniciação Científica, 21, 14. Recuperado de https://periodicos.ufjf.br/index.php/principia/article/view/33884

Edição

Seção

Artigos originais - Ciências da Saúde