Imagens em disputa: a circulação de sentidos sobre o Exército Brasileiro no Complexo da Maré

Autores

DOI:

https://doi.org/10.34019/1981-4070.2021.v15.25981

Palavras-chave:

Midiatização, Circulação, Imagem, Simbólico, Exército

Resumo

O artigo examina o fenômeno da midiatização com foco nos processos de circulação de sentidos. Em meio à profusão imagética da sociedade midiatizada, investiga-se a disputa pela construção da imagem do Exército Brasileiro durante a operação de pacificação do Complexo da Maré, ocorrida entre 2014 e 2015. Como referencial teórico, defende-se uma compreensão do fenômeno da midiatização baseada na abordagem mais recente de Verón (2014), que encaminha às noções de circulação a partir de Braga (2012) e Fausto Neto (2010) e de dispositivo midiático a partir de Ferreira (2013). Quanto aos aspectos metodológicos, parte-se do esquema prógono de Verón para análise da midiatização (1997) para a constituição de dois eixos de análise, organizados em três coleções de imagens referentes a acontecimentos da operação. Tensionadas quanto a aspectos sócio-semio-técnicos, as coleções revelam categorias de imagens produzidas sobre o Exército, posteriormente sistematizadas em diagramas inferenciais. Conclui-se que, na circulação midiática atual, cada vez mais heterogênea e transversal, além da disputa intermidiática que atravessa a construção da imagem do Exército na Maré, configura-se também uma coprodução da imagem institucional, potencializada pela processualidade simbólica que, paradoxalmente, fortalece determinadas imagens em detrimento de outras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Paula da Rosa, Universidade do Vale do Rio dos Sinos

Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Docente e pesquisadora no PPG em Ciências da Comunicação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

Bruno Garcia Vinhola, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutorando em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rios dos Sinos. 

Referências

BELTING, H. Pour une anthropologie des images. Paris: Gallimard, 2004.

BRAGA, José Luiz. Circuitos versus campos sociais. In: JANOTI, Junior; MATTOS, Maria Angela; JACKS, Nilda. (orgs.). Mediação e midiatização. Salvador: Edufba; Brasília: Compós, 2012, p. 31-52.

BRAGA, José Luiz. Instituições e midiatização: um olhar comunicacional. In: FERREIRA, Jairo et al. (orgs). Entre o que se diz e o que se pensa: onde está a midiatização? Santa Maria: Facos, 2018, p. 291-311.

CASSIRER, Ernst. A filosofia das formas simbólicas: a linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

DETALHE da passagem de comando da Força de Pacificação Maré para a PMRJ, ontem, no CPOR/RJ. Exército Brasileiro, Brasília, 2015. Disponível em: https://twitter.com/exercitooficial/status/616338248907010048. Acesso em: 28 nov. 2016.

EM resposta a matéria intitulada “Se quiser mato um por dia”. Exército Brasileiro, Brasília, 2014. Disponível em: https://pt-br.facebook.com/exercito/photos/a.178017462225190.49004.167817063245230/1022663311093930. Acesso em: 28 nov. 2016.

FORÇAS de Pacificação Maré – Ação Cívico-Social. Exército Brasileiro, Brasília ,2014. Disponível em: http://www.eb.mil.br/en/web/resiscomsex/cml. Acesso em: 28 nov. 2016.

ELIADE, Mircea. Mito do eterno retorno. São Paulo: Mercúryo, 1992.

ESKJAER, Mikkel; HJAVARD, Stig; MORTENSEN, Mette. The dynamics of mediatized conflicts. Nova York: Peter Lang Publishing, 2015.

EXÉRCITO deixa a Maré e efetivo da PM será menos da metade. Página Fatos da Maré no Facebook, 2015. Disponível em: https://www.facebook.com/Fatos-Da-Mar%C3%A9-841259409231011/. Acesso em: 17 ago. 2016.

MILITARES e traficantes trocam tiros. Página Fatos da Maré no Facebook, 2015. Disponível em: https://www.facebook.com/Fatos-Da-Mar%C3%A9-841259409231011/. Acesso em: 17 ago. 2016.

FAUSTO NETO, Antonio. A circulação além das bordas. In: FAUSTO NETO, Antonio; VALDETARO, Sonia. (orgs.). Mediatización, sociedade y sentido: diálogos entre Brasil y Argentina. Rosário: Universidade Nacional de Rosario, 2010, p. 2-17.

FAUSTO NETO, Antonio. Fragmentos de uma analítica da midiatização. Matrizes, v. 1, n. 2, p. 89-105, 2008. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/matrizes/article/view/38194/40938. Acesso em: 6 abr. 2020.

FERREIRA, Jairo. Uma abordagem triádica dos dispositivos midiáticos. Líbero, v. 1, n. 17, p. 1-15, 2006. Disponível em: http://seer.casperlibero.edu.br/index.php/libero/article/view/764/732. Acesso em: 6 abr. 2020.

FERREIRA, Jairo. Como a circulação direciona os dispositivos, indivíduos e instituições? In: BRAGA, José Luiz; FAUSTO NETO, Antonio; GOMES, Pedro (orgs). Dez perguntas para a produção do conhecimento em comunicação. São Leopoldo: Editora Unisinos, 2013, p. 140-155.

FORÇA de Pacificação teve avanços na Maré, mas ainda enfrenta dificuldades. G1, Rio de Janeiro, 23 jun. 2015. Disponível em: http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2015/06/forca-de-pacificacao-teve-avancos-na-mare-mas-ainda-enfrenta-dificuldades.html. Acesso em: 30 nov. 2016.

FORÇAS Armadas assumem ocupação de 15 comunidades na Maré, Rio. G1, Rio de Janeiro, 5 abr. 2014. Disponível em: http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2014/04/forcas-armadas-assumem-ocupacao-de-15-comunidades-da-mare-rio.html. Acesso em: 25 nov. 2016.

HEPP, Andreas. As configurações comunicativas de mundos midiatizados: pesquisa da midiatização na era da “mediação de tudo”. Matrizes, v.8, n. 1, p. 45-64, 2014. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/matrizes/article/view/82930/85964. Acesso em: 6 abr. 2020.

LEITÃO, Leslie. “Se quiser, mato um soldado por dia”, diz traficante da Maré. Veja, Rio de Janeiro, dez. 2014. Disponível em: http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/se-quiser-mato-um-soldado-por-dia-diz-traficante-da-mare/. Acesso em: 30 nov. 2016.

MORRE cabo do Exército baleado na cabeça em ataque na Maré, Rio. G1, Rio de Janeiro, 28 nov. 2014. Disponível em: http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2014/11/morre-cabo-do-exercito-baleado-na-cabeca-em-ataque-na-mare-rio.html. Acesso em: 26 nov. 2016.

MARÉ resiste. Página Fatos da Maré no Facebook, 2014. Disponível em: https://pt-br.facebook.com/Marevive. Acesso em: 27 nov. 2016.

MERLEAU-PONTY, Maurice. O olho e o espírito. São Paulo: Cosac Naify, 2004.

QUÉRÉ, Louis. Entre o facto e sentido: a dualidade do acontecimento. Trajectos: Revista de Comunicação, Cultura e Educação, Lisboa, n. 6, p. 59-76, 2005.

POLICIAL é baleado em operação na favela do Rola. Portal R7, Rio de Janeiro, 2011. Disponível em: http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/noticias/policial-e-baleado-em-operacao-na-favela-do-rola-20110614.html. Acesso em: 2 dez. 2016.

RODRIGUES, Adriano. Experiência, modernidade e campo dos media. In: SANTANA, R. (org.). Reflexões sobre o mundo contemporâneo. Teresina: UFPI, 2000, p. 1-32.

ROSA, Ana Paula da. Imagens-totens e circulação: a chancela jornalística no caso Michael Jackson. Revista da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação: E-compós, v. 17, n. 2, p. 1-18, 2014. Disponível em: https://www.e-compos.org.br/e-compos/article/view/1052/780. Acesso em: 6 abr. 2020.

ROSA, Ana Paula da. Imagens-totens: a fixação de símbolos nos processos de midiatização, 2012. 360 p. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação) - Escola de Indústria Criativa, Universidade do Vale do Rio dos Sinos, São Leopoldo, 2012.

ROSA, Ana Paula da. Imagens em espiral: da circulação à aderência da sombra. Matrizes, v.13, n. 2, p. 155-177, 2019. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/matrizes/article/download/150455/155833/. Acesso em: 6 abr. 2020.

O medo de volta ao Complexo do Alemão. Veja, Rio de Janeiro, mai. 2013. Disponível em: http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/o-medo-de-volta-ao-complexo-do-alemao/. Acesso em: 2 dez. 2016.

VERÓN, Eliseo. Esquema para el análisis de la mediatización. Diálogos de la comunicación, n.48, p. 9-16, 1997. Disponível em: https://halshs.archives-ouvertes.fr/halshs-01488522/document. Acesso em: 6 abr. 2020.

VERÓN, Eliseo. Teoria da midiatização: uma perspectiva semioantropológica e algumas de suas consequências. Matrizes, v. 8, n.1, p. 13-19. 2014. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/matrizes/article/view/82928/85961. Acesso em: 6 abr. 2020.

Downloads

Publicado

2021-05-05

Como Citar

DA ROSA, A. P.; VINHOLA, B. G. Imagens em disputa: a circulação de sentidos sobre o Exército Brasileiro no Complexo da Maré. Lumina, [S. l.], v. 15, n. 1, p. 5–30, 2021. DOI: 10.34019/1981-4070.2021.v15.25981. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/lumina/article/view/25981. Acesso em: 24 jul. 2021.

Edição

Seção

Artigos