Perfurabilidade em seriados: Espectadores como investigadores em Game of Thrones

Autores

DOI:

https://doi.org/10.34019/1981-4070.2016.v10.21231

Palavras-chave:

Leitor-detetive, Perfurabilidade, Cultura Participativa, Guerra dos Tronos, Crônicas de Gelo e Fogo.

Resumo

É traçado, em um contexto de produtos de entretenimento transmidiáticos e de redes sociais, um paralelo entre o leitor-detetive de Van Dine e Todorov e o espectador com características de fã forense, perante uma obra com alto grau da perfurabilidade proposta por Mittell, como é o caso de Game of Thrones, série adaptada dos livros Crônicas de Gelo e Fogo, de George R. R. Martin.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Glauco Madeira de Toledo, Universidade Anhembi Morumbi

Professor de Audiovisual da Faculdade de Comunicação e Informática da Unimep

Referências

BAKER, Chris. Meet Leland Chee, the Star Wars Franchise Continuity Cop. In: WIRED MAGAZINE. Ed. 16, ano 09, 18 de agosto de 2008. Disponível em: <http://www.wired.com/entertainment/hollywood/magazine/16-09/ff_starwarscanon?currentPage=all> Acesso em: 30 de mar. 2014.
ASKWITH, Ivan D. Television 2.0: Reconceptualizing TV as an Engagement Medium. 174 f. Dissertação (Mestrado em Ciência em Estudos de Mídia Comparativa). Massachusetts Institute of Technology, Massachusetts, 2007. Disponível em: <http://cmsw.mit.edu/television-2-0-tv-as-an-engagement-medium/>. Acesso em: 25 set. 2015.
Cânone. In: HOUAISS, Antônio (Ed.). Dicionário Eletrônico Houaiss da Língua Portuguesa. Versão monousuário 2.0. São Paulo: Editora Objetiva, 2007. 1 CD- ROM. HOUAISS, 2007, CD-ROM.
ECO, U. “A inovação no seriado”. In: Sobre os espelhos e outros ensaios. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1989.
JENKINS, H. Cultura da convergência. São Paulo: Aleph, 2008.
JOST, F. Do que as séries americanas são sintoma. Porto Alegre: Sulina, 2012.
MITTELL, J. To Spread or to Drill? [s.l.]: Just TV, 2009. Disponível em: <http://justtv.wordpress.com/2009/02/25/to-spread-or-to-drill/>. Acesso em: 17 de jun. 2015.
________, J. Forensic Fandom And The Drillable Text [s.l.]: Spreadable Media, 2009b. Disponível em: <http://spreadablemedia.org/essays/mittell/#.VYhx5flViko>. Acesso em: 17 de jun. 2015.
SIQUEIRA, P. George R.R. Martin afirma que fãs já descobriram final da saga As crônicas de gelo e fogo. In: Diário de Pernambuco. Disponível em: <http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/viver/2014/08/12/internas_viver,522093/george-r-r-martin-afirma-que-fas-ja-descobriram-final-da-saga-em-as-cronicas-de-gelo-e-fogo-em.shtml>. Acesso em: 17 de jun. 2015.
TODOROV, Tzvetan. As estruturas narrativas. Editora Perspectiva, 2006.
TOLEDO, G. M. Aspectos Canônicos da Narrativa Transmidiática em LOST. 2012. 114 f. Dissertação (Mestrado em Imagem e Som) – Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2012. Disponível em: <http://www.bdtd.ufscar.br/htdocs/tedeSimplificado//tde_busca/arquivo.php?codArquivo=6910>. Acesso em: 20 set. 2015.
TOLEDO, G. M.; AFFINI, L. P. When you play the Game of Thrones, you spread or you drill. In: XVIII Congresso de Ciências da Comunicação na Região Sudeste, Bauru, 2013. Anais... São Paulo: Intercom, 2013. CD-ROM.
VAN DINE, S. S. Twenty rules for writing detective stories. 1928. Disponível em: <http://gaslight.mtroyal.ca/vandine.htm>. Acesso em: 17 de jun. 2015.

Downloads

Publicado

2016-08-31

Como Citar

TOLEDO, G. M. de. Perfurabilidade em seriados: Espectadores como investigadores em Game of Thrones. Lumina, [S. l.], v. 10, n. 2, 2016. DOI: 10.34019/1981-4070.2016.v10.21231. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/lumina/article/view/21231. Acesso em: 5 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos