As Ferrovias de Minas Gerais no século dezenove

  • Peter Blasenheim

Resumo

A Zona da Mata mineira, uma rica região exportadora de café em uma pobre província, detinha aproximadamente 60% do total da rede ferroviária 1006 Km em 1884. Este artigo, ao examinar o boom das ferrovias na Zona da Mata, focaliza a dinâmica intra e inter regional que explica a ascensão e a queda  da "Leopoldina", a mais importante  ferrovia privada de Minas. Uma ênfase especial é dada às finanças da ferrovia, às relações entre café e estrada de ferro e a política ferroviária em Minas e no Brasil no final do século XIX.

Ferrovias, Zona da Mata.

Como Citar
Blasenheim, P. (1). As Ferrovias de Minas Gerais no século dezenove. Locus - Revista De História, 2(2). Recuperado de https://periodicos.ufjf.br/index.php/locus/article/view/20429