O Progresso da Ordem O Florianismo na Lógica do Consenso Mínimo

  • Lincoln de Abreu Penna

Resumo

Trata-se de um estudo sobre o florianismo e sua dimensão plural, isto é, o que convencionamos designar "de governo" e "de rua" ou popular, no contexto da "grande" e da "pequena política" respectivamente. Concluímos que essa ambiguidade resultou no progresso da ordem, à luz da lógica do consenso mínimo. Esta pesquisa privilegiou o exame desse fenômeno na cidade do Rio de Janeiro, entre 1893 e 1897.

Florianismo, Rio de Janeiro.

Como Citar
Penna, L. de A. (1). O Progresso da Ordem O Florianismo na Lógica do Consenso Mínimo. Locus - Revista De História, 2(2). Recuperado de https://periodicos.ufjf.br/index.php/locus/article/view/20426