CONSTRUÇÕES DE TRAJETÓRIAS: COMO O ENSINO SUPERIOR PASSA A FAZER PARTE DO CAMPO DE POSSIBILIDADES DE JOVENS MORADORES DA PERIFERIA

  • Edil de Souza Gonçalves Universidade Estadual de Campinas

Resumo

A pesquisa, que dá origem a este trabalho, tem dimensão descritiva e analítica sobre os diferentes aspectos – de ordem familiar, de trajetória escolar, de sociabilidade e de culturas juvenis, mercado de trabalho, mídia, dentre outros, que convergem para a decisão de jovens, que frequentam o ensino médio, em cursar o ensino superior. A pesquisa, de caráter qualitativo, compreende duas partes: levantamento de dados documentais de políticas públicas de acesso e ampliação das vagas no ensino superior e pesquisa de campo, através de observação participante e entrevistas estruturadas, reunindo, portanto, dados de diferentes naturezas. Neste artigo, serão apresentados resultados preliminares da análise realizada sobre a pesquisa de campo com estudantes de duas escolas de ensino médio e duas instituições de ensino superior privadas na cidade de Petrópolis. O resultado das investigações aponta para a presença no imaginário desses jovens, moradores da periferia, de uma distinção social que o acesso ao ensino superior supostamente poderia conferir. No entanto, contrapõem a excepcionalidade meritocrática que caracteriza a narrativa conservadora e o advento de uma nova narrativa. Nela o ensino superior se alterna entre direito e sonho de consumo.

   Palavras-chave: distinção, imaginário social, trajetória, políticas públicas.

Biografia do Autor

Edil de Souza Gonçalves, Universidade Estadual de Campinas

Mestrando em Educação, na área de Ciências Sociais pela UNICAMP.

Graduação em Pedagogia pela UERJ.

 

Publicado
2019-03-20
Como Citar
Gonçalves, E. de S. (2019). CONSTRUÇÕES DE TRAJETÓRIAS: COMO O ENSINO SUPERIOR PASSA A FAZER PARTE DO CAMPO DE POSSIBILIDADES DE JOVENS MORADORES DA PERIFERIA. CSOnline - REVISTA ELETRÔNICA DE CIÊNCIAS SOCIAIS, (28). https://doi.org/10.34019/1981-2140.2018.v0.17459
Seção
Jornada CSO/UFJF - Pós-Graduação