Ações da APS otimizadoras da adesão à terapêutica para tuberculose: revisão narrativa

Autores

  • Rafael Silveira Terra Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga (FADIP)
  • Márcia Farsura de Oliveira Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga (FADIP)
  • Rodrigo Siqueira-Batista / Universidade Federal de Viçosa (UFV) / Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga (FADIP)

Palavras-chave:

Atenção Primária à Saúde, Tuberculose, Tuberculose Pulmonar, Terapia Diretamente Observada, Empatia

Resumo

A tuberculose (TB) – cujo agente etiológico principal é o Mycobacterium tuberculosis – é uma doença antiga, cuja disseminação ocorre pela inalação de aerossóis produzidos pela tosse, espirro e fala de pessoas doentes e bacilíferas. Trata-se de uma enfermidade que pode acometer os pulmões, as meninges, os ossos e os linfonodos, além de outros órgãos e sistemas. Por ser um problema de saúde pública, os desafios para enfrentamento da TB demandam a implementação de estratégias desenvolvidas pela equipe interdisciplinar da Atenção Primária à Saúde (APS), junto ao paciente e à comunidade, contribuindo para uma maior e mais efetiva adesão ao tratamento. Objetivou-se investigar as principais ações em saúde realizadas pela equipe de APS, que promovem maior adesão ao tratamento curativo de TB. Foi realizada revisão narrativa, utilizando os descritores “Tuberculose”, “Tuberculose Pulmonar”, “Terapia Diretamente Observada” e “Empatia” (consultados no DeCS – https://decs.bvsalud.org/), nas plataformas SCIELO e LILACS, não restringindo o idioma e o período das produções buscadas. A Lei Orgânica da Saúde, manuais e protocolos do Ministério da Saúde também foram consultados. A pesquisa identificou como ações prioritárias a serem desenvolvidas pela APS para a otimização da adesão à terapêutica da TB: (i) informações ao paciente com TB sobre a doença; (ii) orientações aos familiares e/ou pessoas próximas ao enfermo sobre a TB; (iii) indicação de referenciais confiáveis para buscar informações sobre a doença; (iv) construção de um plano terapêutico em conjunto com o paciente, emitindo prescrição legível e orientando a respeito dos efeitos colaterais dos antimicrobianos preconizados para o tratamento; e (v) disponibilização de consultas para a elucidação de dúvidas do paciente. Em conclusão, espera-se que os resultados deste trabalho contribuam para as ações de cuidado dirigidas aos enfermos com TB, na perspectiva de contribuição do trabalho das equipes de APS, ampliando a adesão ao – e o comprometimento com – o tratamento antimicrobiano para a moléstia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Silveira Terra, Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga (FADIP)

Acadêmico de Medicina.

Márcia Farsura de Oliveira, Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga (FADIP)

Médica (2013) pela Universidade Federal de Juiz de Fora, pós-graduada em Atenção Básica em Saúde da Família pela Universidade Federal de Alfenas (bolsista do PROVAB/2015), e em Medicina do Trabalho pela FUNORTE (2015), mestre em Ensino de Ciências da Saúde e do Ambiente pela Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga (FADIP) e doutoranda em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). Professora e preceptora da Escola de Medicina da Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga. 

Rodrigo Siqueira-Batista, / Universidade Federal de Viçosa (UFV) / Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga (FADIP)

Diplomado em Medicina pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1995), em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2002) e em Matemática pela Universidade Estácio de Sá (2018), especialista (residência médica) em Doenças Infecciosas e Parasitárias pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1999), mestre em Medicina (Doenças Infecciosas e Parasitárias) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2002), mestre em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2003) e doutor em Ciências pela Fundação Oswaldo Cruz (2006).  Professor Associado do Departamento de Medicina e Enfermagem da Universidade Federal de Viçosa, Professor Titular da Escola de Medicina da Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga.

Downloads

Publicado

2021-06-01

Edição

Seção

Resumos