Novas vozes para novos tempos: o surgimento do intelectual católico moderno

Autores

  • Rhuan Reis do Nascimento Universidade do Estado do Rio de Janeiro/doutorando do programa de Pós-graduação em História

DOI:

https://doi.org/10.34019/2237-6151.2022.v19.37648

Palavras-chave:

Intelectuais, Igreja Católica, Modernidade

Resumo

Resumo: A Igreja Católica enfrentou uma grave crise de autoridade durante o século XIX. O advento da modernidade reduziu a influência cultural da Igreja uma vez que empurrou a religiosidade para o âmbito privado e fez com que os sacerdotes passaram a enfrentar dificuldades para interferir nas questões políticas e sociais. Nesse contexto, o intelectual leigo católico, dotado de autoridade acadêmica e atuantes na imprensa, destacou-se na defesa dos valores católicos. O primeiro grupo de intelectuais católicos a ganhar notoriedade foi composto por pensadores franceses que atuaram no início do século XX. O intelectual leigo católico, sobre o qual nosso artigo versa, desempenhou um importante papel na configuração da relação entre o catolicismo e a sociedade moderna.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Referências bibliográficas

ALVES, Claudia. “Contribuições de Jean-François Sirinelli à história dos intelectuais da educação”. In: Educação e Filosofia, Uberlândia: v.33, nº67, jan./abr. 2019, pp. 27-55.

ALVES, Rubem. O enigma da religião. Petrópolis – RJ: Editora Vozes, 1975.

BERMAN, Marshall. Tudo que é sólido desmancha no ar: a aventura da modernidade. São Paulo: Editora Schwarcz Ltda, 1986.

BLAKISTON, Noel. The Roman Question: extracts from the despatches of Odo Russell. Londres: Chapman and Hall, 1962.

CHARLE, Christophe. “Nascimento dos intelectuais contemporâneos (1860-1899). Tradução de Maria Helena Camara Bastos. In: História da Educação, ASPHE/FaE/UFPel: Pelotas, n. 14, set. 2003, p. 141-156.

DUFF, Eamon. Santos e pecadores: a história dos papas. São Paulo: Cosac & Naify, 1998.

GASPARETTO, Antonio. “O contexto histórico da encíclica Mirari Vos. In:Revista Estudos Filosóficos. São João del-Rei – MG, Nº3, 2009, p. 43-56.

GREGÓRIO XVI. Mirari Vos. 1932. Disponível em: <https://www.vatican.va/content/gregorius-xvi/it/documents/encyclica-mirari-vos-15-augusti-1832.html>. Acessado em: 12 maio 2021.

JUNG, Carl Gustav. “Inconsciente pessoal e inconsciente coletivo suprapessoal ou coletivo”. In: JUNG, Carl Gustav. Espiritualidade e Transcendência: seleção e edição de Brigitte Dorst. Petrópolis-RJ: Vozes, 2015.

LEÃO XIII, Papa. Carta enc. Immortale dei. 1885. Disponível em: <https://www.vatican.va/content/leo-xiii/pt/encyclicals/documents/hf_l-xiii_enc_01111885_immortale-dei.html>. Acessado em: 12 maio 2021.

LEÃO XIII, Papa. Carta enc. Libertas praestantissimun. 1888, Disponível em: <https://www.vatican.va/content/leo-xiii/es/encyclicals/documents/hf_l-xiii_enc_20061888_libertas.html>. Acessado em: 18 maio 2021.

LEÃO XIII, Papa. Carta enc. Nobilissima gallorum gens. 1884. Disponível em: <https://www.vatican.va/content/leo-xiii/en/encyclicals/documents/hf_l-xiii_enc_08021884_nobilissima-gallorum-gens.html>. Acessado em: 15 maio 2021.

MARTINA, Giacomo. História da Igreja: de Lutero aos nossos dias. V. III, São Paulo: Loyola, 2005.

MARTINA, Giacomo. História da Igreja: de Lutero aos nossos dias. V. IV. São Paulo: Loyola, 2014.

MORAIS, João Francisco Regis de. História e pensamento na educação brasileira: contribuição de Tristão de Athayde. Campinas-SP: Papirus, 1985.

PIO IX, Papa. Carta enc. Quanta cura. 1864. Disponível em: <https://www.vatican.va/content/pius-ix/it/documents/encyclica-quanta-cura-8-decembris-1864.html>. Acessado em: 12 jun. 2021.

PIO X, Papa. Carta enc. Il fermo proposito. 1905. Disponível em: <https://www.vatican.va/content/pius-x/en/encyclicals/documents/hf_p-x_enc_11061905_il-fermo-proposito.html>. Acessado em: 10 maio 2021.

PIO X, Papa. Carta enc. Pascendi Dominici Gregis. 1907. Disponível em: <https://www.vatican.va/content/pius-x/pt/encyclicals/documents/hf_p-x_enc_19070908_pascendi-dominici-gregis.html>. Acessado em: 11 maio 2021.

SILVA, Alessandro Garcia da. Sob a sombra de Deus: o catolicismo trágico de Octávio de Faria. (Tese de Doutorado em Sociologia). Rio de Janeiro: UFRJ, 2018.

SERRY, Hervé. Literatura e Catolicismo na França (1880-1914): contribuição a uma sociohistória da França. Tradução de Paulo Neves. In: Tempo Social, São Paulo, v. 16, nº 1, 2004, p. 129-152.

SERRY, Hervé. “Déclin social et revendication identitaire: la ‘renaissance littéraire catholique’ de la première moitié du XX siècle”. In: Sociétés Contemporaines, nº 44, dez e 2001, p. 91-111.

SIRINELLI, Jean-François. Os intelectuais. In: RÉMOND, René (org.). Por uma História Política. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2003.

Downloads

Publicado

2022-08-26

Como Citar

REIS DO NASCIMENTO, R. Novas vozes para novos tempos: o surgimento do intelectual católico moderno. Sacrilegens , [S. l.], v. 19, n. 1, 2022. DOI: 10.34019/2237-6151.2022.v19.37648. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/sacrilegens/article/view/37648. Acesso em: 26 set. 2022.