O drama de voltar ao Supremo: Victor Turner e a jornada da alma no “Bhagavad-Gita, como ele é” de Srila Prabhupada

Autores

  • Caio Cézar Busani UFJF

DOI:

https://doi.org/10.34019/2237-6151.2021.v18.36072

Palavras-chave:

hare krishna, bhagavad-gita, antropologia, victor turner

Resumo

Apresento neste artigo a filosofia e teologia da Sociedade Internacional para Consciência de Krishna (ISKCON), que segue a linhagem da religiosidade indiana vaishnava gaudiya, a respeito da trajetória que a alma individual faz ao encarnar neste mundo material e depois seu processo para se (re)conectar com Deus (Krsna). Mostro como esta jornada da alma possui estágios segundo a própria filosofia vaishnava, e como eles se assemelham e dialogam com as etapas do Drama Social, conceito criado pelo antropólogo Victor Turner.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BHAGAVAD-GITA. Português. Bhagavad-gita: como ele é. Tradução e Comentários de Bhaktivedanta Swami Prabhupada. São Paulo. Editora BBT. 1980. 799 p.

BHAGAVAD-GITA. Português. Bhagavadgita – Diálogo entre Sri Krsna e Arjuna. Tradução Gloria Arieira. Rio de Janeiro. Vidya-Mandir. 2010 336p.

DHARMA, Krishna. “Mahabharata: Versão condensada da maior epopeia do mundo”. Editora Nova Fronteira. Rio de Janeiro. 2016.

GOSWAMI, Satsvarupa Dasa. Prabhupada: Um santo do Século XX. BBT, São Paulo, 2014.

GUERRIERO, Silas. “Os componentes constitutivos da Nova Era: A formação de um novo ethos”. Revista de Estudos da Religião, Vol. 16, Nº. 2, 2016.

GUERRIERO, Silas. “O Movimento Hare Krishna no Brasil: uma interpretação da cultura védica na sociedade

ocidental”. Revista de Estudos da Religião, São Paulo, 2001, nº 1, p. 44-56.

GUPTA, Ravi M. “Caitanya Vaisnava Philosophy: Tradition, Reason and Devotion”. Ashgate Publishing Limited. Inglaterra. 2014

LOUNDO, Dilip. “Razão (jñāna) e Devoção (bhakti) no Advaita Vedānta: Madhusūdana Sarasvatī (séc. XVI) e o Bhagavad Gītā”. Educação e Filosofia, 33(69), 1323-1371. 2019.

LOUNDO, Dilip. “The indian aesthetics of emotions (rasa): non-duality, aesthetic experience and the body”. Dossiê Diálogos entre Literatura, Religião e Política: registros literários da instrumentalização do Sagrado. 2021. v. 25, n. 46.

PRENTISS, Karen. “The Embodiment of Bhakti”. Oxford University Press. 1999.

RESNICK, Howard. Guia Completo da Bhagavad-Gita: Com tradução literal. Coletivo Editorial, São Paulo, 2015.

SWAMI, Chandramukha. “Bhagavad-Gita para Iniciantes”. Editora BBT. Pindamonhangaba. 2011.

TURNER, Vitor. “Dramas, campos e metáforas - ação simbólica na sociedade humana”. Série Antropologia e Ciência Política, v. 42. Eduff, 2008.

VALERA, Lúcio. “A Mística devocional (Bhakti) como experiencia estética (Rasa): um estudo do Bhakti-Rasamrta-Sindhu de Rupa Goswami”. Tese de Doutorado do Programa de Pós-graduação em Ciência da Religião – UFJF. 2015.

Downloads

Publicado

2022-01-30

Como Citar

BUSANI, C. C. O drama de voltar ao Supremo: Victor Turner e a jornada da alma no “Bhagavad-Gita, como ele é” de Srila Prabhupada. Sacrilegens , [S. l.], v. 18, n. 2, p. p. 130–142, 2022. DOI: 10.34019/2237-6151.2021.v18.36072. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/sacrilegens/article/view/36072. Acesso em: 26 maio. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Tradições e Religiões Asiáticas