Institucionalização da religião

o design conferido a Convenção Batista Brasileira (1907-1908)

  • Pedro Henrique Guimarães Teixeira Alves CPDOC/Fundação Getulio Vargas
Palavras-chave: batistas, Convenção Batista Brasileira, Institucionalização

Resumo

O objetivo do artigo é analisar as condições de formação da Convenção Batista Brasileira (CBB), a partir de 1907, como um movimento de institucionalização da denominação batista no Brasil. Ademais, analisaremos o desenho institucional atribuído a CBB, mais especificamente, como a organização foi distribuída em setores e como esses setores atuariam em relação aos pastores e as igrejas locais.

Referências

Fontes primárias:
O Escudeiro Batista. Campos dos Goytacazes: maio de 1909, p.2


O Puritano. Rio de Janeiro: 3 de setembro de 1908, p.4


Gazeta de Notícias. Rio de Janeiro: 30 de janeiro de 1908, p.4.


Correio da Manhã. Rio de Janeiro: 3 de março de 1909, p.8.


Art. 1º. Actas da 1ª reunião da Convenção Baptista Brasileira, 1907. APUD REILY, op. cit., p. 178.


Art. 2º. Actas da 1ª reunião da Convenção Baptista Brasileira, 1907. APUD REILY, op. cit., p.178.


Jornal O Século. Rio de Janeiro: 29 de janeiro de 1908, p.1.


O Jornal Batista. Rio de Janeiro: 27 de junho de 1905, p. 2.

Referências bibliográficas:
AMARAL, Othon Ávila. Marcos Batistas Pioneiros. Mesquita: Edição do autor, 2001.


ANNUAL OF THE SOUTHERN BAPTIST CONVENTION - 1908: containing the proceedings of the fifty-third session sixty-third year and the reports of the boards of the convention general denominational statistics and list of active pastors. Nashville: Marshall & Bruce Co., 1908, p.70.


ARAUJO, João Pedro Gonçalves. Histórias, tradições e pensamentos batistas. As mulheres estejam caladas. Fonte Editorial: São Paulo, 2015, p.15-51.


CAVALCANTI, H. B. O Projeto Missionário Protestante no Brasil do Século 19: Comparando a Experiência Presbiteriana e Batista. Revista de Estudos da Religião, São Paulo, v. 4, p.61-93, 2001, p.83.


FOREIGN MISSION JOURNAL. Richmond, Virgínia: Foreign Mission Board, Southern Baptist Convention, v. 58, ago. 1907. Mensal. p. 53.


FOREIGN MISSION JOURNAL. Richmond, Virgínia: Foreign Mission Board, Southern Baptist Convention, v. 59, set. 1907. Mensal. p. 81.


HARRISON, Helen Bagby. Os Bagby do Brasil: uma contribuição para o estudo dos primórdios batistas em terras brasileiras. Rio de Janeiro: JUERP, 1987, p. 64.


MEIN, David. O que Deus tem feito. Rio de Janeiro: JUERP, 1982, p.262.


MENDONÇA, Antônio Gouvêa. O celeste porvir: a inserção do protestantismo no Brasil. São Paulo: Ed. Paulinas, 1984.


MESQUITA, Antônio Neves de. História dos batistas no Brasil: de 1907 até 1935. Rio de Janeiro: Casa Publicadora Batista, 1962.


PEREIRA, José dos Reis. História dos Batistas no Brasil. 3ª ed. Ampliada e atualizada. JUERP: Rio de Janeiro, 2001.


REILY, Alexander Duncan. História Documental do Protestantismo no Brasil – 3ª ed – São Paulo: ASTE, 2003.
Publicado
2020-07-31
Como Citar
GUIMARÃES TEIXEIRA ALVES, P. H. Institucionalização da religião: o design conferido a Convenção Batista Brasileira (1907-1908). Sacrilegens , v. 17, n. 1, p. 213-237, 31 jul. 2020.